Notícias | Dia a dia
Wild consegue arrancada e alcança melhor ranking
08/10/2018 às 11h59

Thiago Wild se aproximou do top 400

Foto: João Pires/Fotojump

Miami (EUA) - Embora nenhum dos brasileiros tenha conseguido alcançar a final no challenger de Campinas, na semana passada, o torneio serviu para ajudá-los no ranking divulgado nesta segunda-feira, com destaque para o jovem paranaense Thiago Wild, que pela primeira vez fez quartas de final em um torneio deste nível.

A campanha no saibro campineiro rendeu uma arrancada de 45 colocações para o tenista de 18 anos, que ficou bem perto do top 400, parando na 408ª colocação, a melhor de sua carreira. Ele já é o oitavo melhor do país na ATP e o sexto com menos de 19 anos no mundo todo.

Quem também subiu foi o paulista Thomaz Bellucci, que recuperou sete posições, mas ainda não retornou ao top 250, parando no 255º posto. Seu algoz na competição, o cearense Thiago Monteiro foi até as semifinais e com isso melhorou uma única colocação, indo para o 114º lugar e mantendo o posto de número 1 do país.

O segundo melhor brasileiro é o paulista Rogério Silva, que se manteve na 148 ª posição. Outro que não viu o ranking mudar foi o mineiro João Menezes, que seguiu como 325º. Já o gaúcho Guilherme Clezar teve uma má notícia, perdeu quatro colocações e se afastou do top 200, indo para o 211º posto.

Um pouco mais embaixo, o paulista Felipe Alves foi mais um que deu boa arrancada com o desempenho em Campinas. Convidado da organização, ele venceu uma e essa solitária vitória foi suficiente para lhe render 28 lugares e ir para o 615º.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis