Notícias | Dia a dia
Bia é superada por anfitriã na estreia em Macon
24/10/2018 às 17h08

Bia foi eliminada na estreia dos últimos cinco torneios que disputou

Foto: Arquivo

Macon (EUA) - A participação de Beatriz Haddad Maia no ITF de US$ 80 mil em Macon, nos Estados Unidos, foi muito breve. A paulistana de 22 anos caiu ainda na rodada de estreia nesta quarta-feira, após a derrota por 7/6 (7-4) e 6/4 para a anfitriã Louisa Chirico, ex-número 58 e atual 559ª colocada, que também tem 22 anos.

Esta foi a quinta eliminação seguida em uma estreia para Bia, que não vence desde o qualificatório para o US Open em agosto. Desde então, ela não passou da primeira fase em Chicago, Quebec, Templeton, Stockton e Macon.

Considerando apenas as chaves principais de torneios, Bia acumula apenas nove vitórias na temporada, sendo a última no início de agosto, em ITF disputado em Vancouver. Já a última vez que a canhota paulista conseguiu vencer dois jogos no mesmo torneio foi no Premier de Miami em março.

Depois de ter alcançado o melhor ranking da carreira em setembro do ano passado, quando ocupou o 58º lugar, e repetir a marca em fevereiro, Bia aparece atualmente apenas no 232º lugar. A paulistana iniciou a semana com a perda de 19 posições causadas pelo desconto de 30 pontos da campanha feita no WTA de Luxemburgo no ano passado. Ela não defende pontos até o fim do ano.

Bia começou a partida pressionando Chirico e criou quatro break points nos dois primeiros games de saque de sua adversária, mas não aproveitou suas chances. Para piorar, a paulistana teve o serviço quebrado logo depois e viu a rival liderar por 4/1. A reação brasileira foi imediata, com Bia vencendo quatro games seguidos e sacando para fechar. A canhota paulista perdeu a oportunidade e cedeu o empate, além de entregar o tiebreak o tiebreak após uma dupla-falta e um erro não-forçado.

Chirico quebrou logo na abertura do segundo set e salvou break points em seus dois primeiros games de serviço. A norte-americana ampliou a vantagem com nova quebra no sétimo game. Na primeira vez que sacou para o jogo, a atleta da casa não aproveitou a chance. Bia ainda salvou seis match points e teve duas oportunidades para devolver também a segunda quebra, mas não evitou a derrota.

Nas duplas, Bia e a campineira Paula Gonçalves venceram a norueguesa Ulrikke Eikeri e a mexicana Ana Sofia Sanchez por 6/4 e 7/5. Nas quartas de final, a parceria brasileira enfrenta a montenegrina Ana Veselinovic e a indonésia Beatrice Gumulya. Já a paulistana Luisa Stefani e a norte-americana Quinn Gleason venceram a sul-africana Chanel Simmonds e a venezuelana Aymet Uzcategui por duplo 6/0 e vão enfrentar a parceria local formada por Caty Mcnally e Jessica Pegula.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis