Notícias | Dia a dia | ATP Finals
Diretor do ATP Finals condena vaias a Zverev
18/11/2018 às 08h47

Adam Hogg é diretor do torneio e se manifestou pelo Twitter

Foto: Reprodução/Twitter

Londres (Inglaterra) - Homem forte da organização do ATP Finals, o diretor do torneio Adam Hogg condenou a atitude do público, que vaiou Alexander Zverev nos momentos finais da semifinal contra Roger Federer, vencida pelo alemão por 7/5 e 7/6 (7-5) no último sábado em Londres.

Federer vencia o tiebreak do segundo set por 4-3 e dominava um ponto disputado no serviço de Zverev, quando o alemão parou o ponto e o árbitro Carlos Bernardes aplicou a regra do 'let' parar repetir a jogada, depois que um dos boleiros deixou a bola correr no fundo da quadra. Na volta, Zverev encaixou um ace e foi vaiado pelo torcedores.

Embora Zverev tenha agido dentro das regras, criou-se um ambiente seguiu hostil ao jovem jogador de 21 anos até o final do jogo e ele chegou a pedir desculpas ao público. O próprio Federer, ao comentar sobre o incidente durante entrevista coletiva, defendeu a atitude do alemão em exigir o cumprimento da regra.

"A reação do público foi surpreendente e decepcionante", escreveu Hogg em seu perfil no Twitter. "Sascha Zverev merece todo o crédito por chegar à sua primeira final aqui no ATP Finals", acrescentou o executivo.

Hogg também parabenizou a ex-jogadora profissional Annabel Croft, que conduziu a entrevista com Zverev em quadra após o jogo e repreendeu a atitude dos torcedores. "Parabéns a Annabel Croft por lidar com a situação com desenvoltura".

Comentários