Notícias | Dia a dia
Federer faturou US$ 1.500 por ponto conquistado
22/11/2018 às 15h48

Londres (Inglaterra) - Um levantamento feito pelo jornal britânico The Express apontou que o suíço Roger Federer foi o jogador que mais ganhou dinheiro por ponto conquistado na temporada. Ele terminou 2018 com uma premiação de quase US$ 7,6 milhões e 6.420 pontos no ranking, o que dá em torno de US$ 1.500 por ponto.

Número 1 do mundo, o sérvio Novak Djokovic ficou em segundo nessa conta de premiação por ponto com quase US$ 1.395. O tenista de Belgrado foi o que mais faturou em grana (US$ 12.609.672) e disparado o que mais somou pontos (9.045), mas na média acabou ficando atrás de Federer.

O espanhol Rafael Nadal também não se deu bem na conta de ‘premiação per capita’. Embora tenha o melhor aproveitamento de vitórias no ano ele é só o quarto que mais faturou por ponto (US$ 1.160), ficando atrás também do alemão Alexander Zverev, que levou US$ 1.210 por cada ponto conquistado.

Completa o top 5 dessa lista o argentino Juan Martin del Potro, que fechou a temporada levando para casa US$ 1.116 por ponto, um número muito próximo ao do croata Marin Cilic, que apesar de ter conquistado mais de 1.000 pontos a menos que o rival, fez cada um deles lhe render US$ 1.112.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis