Notícias | Dia a dia
Murray: 'Devo a mim mesmo ter uma nova chance'
28/12/2018 às 10h54

Murray acredita em volta por cima em 2019

Foto: Mike Frey/Tennis Photo Network

Brisbane (Austrália) - Embora ainda não se sinta 100% fisicamente, revelando recentemente que ainda sente dores no quadril, o britânico Andy Murray acredita que possa voltar a jogar em grande nível. Depois de jogar apenas 12 partidas em 2018, com sete vitórias e cinco derrotas, ele espera dar a volta por cima na próxima temporada.

“Quero me aposentar do circuito por decisão minha e não por causa de uma lesão. Se tivesse abandonado o tênis me arrependeria por toda a vida, devo a mim mesmo buscar uma nova oportunidade”, afirmou o tenista de 31 anos, que começará 2019 jogando o ATP 250 de Brisbane.

Atual 256 do mundo, Murray está usando seu ranking protegido para disputar os primeiros eventos da temporada, o que não o impede de encarar rivais como o espanhol Rafael Nadal logo na estreia. “Sei que posso jogar em um grande nível novamente, apenas preciso uma sequência de bons resultados”, contou o escocês.

“Há metas que quero alcançar e logo poderei ver se sou capaz de conseguir, o certo é que eu não vou deixar de tentar. Gostaria de voltar a jogar partidas importantes e se pudesse escolher um torneio para vencer seria Roland Garros”, complementou Murray, que já passou 41 semanas na liderança do ranking.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis