Notícias | Dia a dia
Sharapova avança após desistência e consola rival
02/01/2019 às 06h57

Sharapova estava perdendo a partida quando a adversária desistiu

Foto: Divulgação

Shenzhen (China) - Em seu segundo compromisso pelo WTA de Shenzhen, Maria Sharapova contou com a desistência de uma jovem adversária para avançar às quartas de final. A russa havia perdido o primeiro set para a chinesa de 17 anos Xinyu Wang por 7/6 (7-4) e vencia a parcial seguinte por 5/2 quando a rival teve que abandonar a partida, sentindo câimbras.

Wang, que é 309ª do ranking, chegou a liderar o segundo set por 2/0, mas começou a sentir problemas físicos pouco depois. A chinesa pediu atendimento médico quando já perdia por 3/2 e, na volta, sofreu uma queda em quadra logo no primeiro ponto que disputou. A jovem jogadora teve que voltar à cadeira e, como não poderia pedir outro tempo médico, acabou abrindo mão de dois games antes de decidir se retirar.

Diante de uma adversária bastante debilitada, Sharapova se dirigiu à cadeira de Wang para consolá-la. A russa disse à jovem chinesa que ela jogou um tênis incrível e arrancou um sorriso de sua adversária de apenas 17 anos.

 

Sharapova está nas quartas em Shenzhen e precisa de mais uma vitória para defender a campanha que fez no ano passado, quando foi semifinalista. Ex-número 1 do mundo e atual 29ª colocada aos 31 anos, a russa enfrentará a principal favorita e número 13 do ranking Aryna Sabalenka. A bielorrussa de 20 anos confirmou sua condição e derrotou a russa Ekaterina Alexandrova, 73ª, por duplo 6/3.

Em outro jogo da rodada desta quarta-feira, a chinesa Yafan Wang fez valer o fator casa para vencer a tunisiana Ons Jabeur, número 60 do ranking, por 3/6, 6/4 e 6/4. Wang é a atual 70ª colocada e enfrenta a vencedora entre a romena Monica Niculescu e a tcheca Kristyna Pliskova.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis