Notícias | Dia a dia | Australian Open
Bia tem ótima estreia no quali do Australian Open
07/01/2019 às 22h59

Bia gostou do piso veloz do Australian Open

Foto: Arquivo

Melbourne (Austrália) - A paulista Beatriz Haddad Maia iniciou muito bem sua tentativa de qualificação para o Australian Open, primeiro Grand Slam da temporada. Número 1 do Brasil e 176ª do mundo, ela superou a ex-top 30 Lauren Davis, por duplo 6/3.

Sua próxima adversária será uma surpresa: a eslovena Kaja Juvan, de apenas 18 anos e 180ª do mundo, eliminou em grande reação a belga Yanina Wickmayer, cabeça de chave 17, por 4/6, 6/4 e 7/5. Para obter a vaga, Bia precisará de uma terceira vitória e a concorrente mais forte é Jennifer Brady, 16ª mais bem cotada do quali.

“Foi um jogo muito bom. Controlei bem as minhas emoções, saquei muito bem, o que me deu um ar durante o jogo. Agora, independente da adversária, é manter o meu jogo, que foi muito consistente hoje. Tenho que continuar nessa pegada”, afirmou Bia. Este foi o segundo duelo entre as duas e novamente com vitória da canhota paulista. O confronto anterior aconteceu em 2017, na primeira rodada de Cincinnati, e Bia anotou parciais bem parecidas, de 6/3 e 6/2.

Embora no momento ocupe apenas a 157ª classificação do ranking, a norte-americana de 25 anos já foi a 26ª da WTA dois anos atrás e é uma especialista em quadra sintética. Antes da estreia, Bia já se sentia confiante: "As condições aqui estão boas, as quadras estão rápidas e eu estou bem preparada”, afirmou.

No ano passado, Bia entrou diretamente na chave principal do Australian Open. Venceu na estreia a australiana Lizette Cabrera e foi parada na rodada seguinte pela tcheca Karolina Pliskova, então sexta favorita ao título do torneio.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series