Notícias | Dia a dia | Australian Open
Bia e Monteiro vencem mais uma no quali do AO
10/01/2019 às 00h43

Monteiro não defende pontos nesta semana em Melbourne

Foto: Arquivo

Melbourne (Austrália) - Dois nomes do tênis brasileiro estão mais perto de garantir seus lugares nas chaves principais do Australian Open. A paulista Beatriz Haddad Maia e o cearense Thiago Monteiro venceram seus jogos na quarta-feira à noite pela segunda rodada do qualificatório em Melbourne e precisam, cada um, de apenas mais uma vitória.

Pela segunda semana seguida, Bia derrotou a eslovena Kaja Juvan. A canhota paulista marcou as parciais de 6/3 e 6/4 contra a jovem rival de 18 anos e 180ª do ranking, a quem já havia superado no quali para o WTA de Auckland. Número 1 do Brasil e atual 176ª do ranking aos 22 anos, Bia enfrenta na terceira rodada do quali a norte-americana de 23 anos e 125ª colocada Jennifer Brady.

As duas vitórias no qualificatório do Australian Open já rendem 30 pontos no ranking da WTA, com possibilidade de 40 em caso de classificação para a chave principal. Bia tem 70 pontos a defender em Melbourne, já que no ano passado chegou a vencer um jogo pela chave principal antes de cair para a favorita tcheca Karolina Pliskova na segunda rodada.

Já Thiago Monteiro passou com duplo 6/3 pelo francês Gregoire Barrere, 158º do ranking, contra quem tinha uma vitória e uma derrota em duelos anteriores pelo circuito. O cearense de 23 anos e 127º colocado agora espera pelo vencedor da partida entre o sérvio Miomir Kecmanovic e o francês Maxime Janvier.

Monteiro tenta voltar à chave principal do Australian Open depois de dois anos. Na temporada passada, o canhoto de Fortaleza não passou da primeira rodada do qualificatório. As duas vitórias já conquistadas valem 16 pontos no ranking da ATP, com possibilidade de 25 em caso de classificação.

A premiação em dinheiro é igual para homens e mulheres. Tanto Bia quanto Monteiro já garantiram 40 mil dólares australianos pela campanha. Os jogadores que furam o quali recebem o prêmio obtido na campanha da chave principal. Um atleta que dispute a primeira rodada de simples em Melbourne já garante prêmio de 75 mil dólares australianos.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series