Notícias | Dia a dia | Australian Open
Wozniacki começa muito bem a defesa do título
14/01/2019 às 07h57

Wozniacki não teve o serviço quebrado em sua estreia em Melbourne

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Com uma atuação bastante consistente, Caroline Wozniacki começou bem a defesa do título no Australian Open. A número 3 do mundo precisou de apenas 1h33 para derrotar a belga Alison Van Uytvanck, 52ª do ranking, por 6/3 e 6/4 para avançar na competição.

Com a missão de defender 2 mil pontos nas duas próximas semanas em Melbourne, Wozniacki já conseguiu 70 pontos pela vitória na primeira rodada. Caso vença mais uma partida, a experiente jogadora de 28 anos já garante a defesa de 130 pontos no ranking mundial.

A próxima adversária de Wozniacki é a sueca de 30 anos e 77ª do ranking Johanna Larsson, que vencia a bielorrussa Vera Lapko por 7/6 (7-5) e 3/0 quando a rival abandonou. O confronto é inédito no circuito. A dinamarquesa também segue em rota de colisão com outra ex-líder do ranking mundial, a russa Maria Sharapova, que pode enfrentá-la na terceira rodada em Melbourne.

Wozniacki é uma das onze jogadoras que podem terminar o Grand Slam australiano na liderança do ranking mundial. A dinamarquesa, entretanto, precisa não apenas do bicampeonato em Melbourne, mas também de uma grande combinação de resultados que envolveria até mesmo a desistência da atual número 1 Simona Halep antes da estreia.

Diante de uma adversária que varia bastante o jogo, com drop shots e slices, Wozniacki teve que sair de sua zona de conforto no fundo de quadra e foi muitas vezes à rede desde os primeiros games. A dinamarquesa teve bom desemepenho nesses pontos, vencendo 10 em 14 possíveis, com aproveitamento de 69%.

Depois de salvar um break point logo no game de abertura e de perder uma chance de quebra na sequência, Wozniacki conseguiu a única quebra do set inicial no sexto game e fechou a porta quando foi ameaçada no game seguinte. Em uma primeira parcial equilibrada, com 14 winners para cada lado, Van Uytvanck cometeu 18 erros não-forçados, o dobro da contagem da dinamarquesa, que errou apenas nove bolas.

No segundo set, Wozniacki conseguiu uma quebra logo no início e mais uma vez foi firme no saque. A atual campeã seguiu sem ter o serviço quebrado na partida e enfrentou apenas mais um break point. A parcial teve games mais tranquilos e com menos riscos para a dinamarquesa, que pôde jogar um tênis mais próximo de seu estilo favorito. Ainda que Van Uytvanck tenha liderado nos winners por 25 a 21, a belga cometeu 34 erros contra 16 da dinamarquesa.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series