Notícias | Dia a dia
Meligeni vence ex-top 20 e avança no quali de Miami
20/03/2023 às 13h37

Meligeni garante 8 pontos na ATP e precisa de mais uma vitória para entrar na chave

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - Segundo melhor brasileiro no ranking, Felipe Meligeni conseguiu uma importante vitória na estreia do quali do Masters 1000 de Miami de Miami. O paulista de 25 anos e 164º do ranking venceu nesta segunda-feira o georgiano Nikoloz Basilashvili, ex-top 20 e atual 132º colocado ao 31 anos, por 6/4, 1/6 e 6/1 em 1h22 de partida.

A boa estreia no quali de Miami rende 8 pontos na ATP para Meligeni, além do prêmio de US$ 9.440 dólares. Ele tenta disputar sua primeira chave de Masters 1000, mas para isso precisa de mais uma vitória. Seu próximo rival é o cazaque Timofey Skatov, 155º do ranking, que venceu o equatoriano Emilio Gomez, cabeça 4 do quali e 96º do mundo, por duplo 6/2. O paulista ainda não enfrentou Skatov no circuito.

Com ótimo início de partida, Meligeni não perdeu pontos em seus três primeiros games de serviço. Além disso, conseguiu duas quebras e chegou a liderar o set inicial por 5/1. Basilashvili chegou a devolver uma das quebras, mas a vantagem construída pelo brasileiro era suficientemente confortável para que ele fechasse o primeiro set com mais um bom game de saque.

O aproveitamento de Meligeni no saque caiu durante o segundo set, especialmente porque ele só colocou 44% de primeiros serviços em quadra. Basilashvili conseguiu duas quebras e largou com 5/0 no placar, restando ao paulista apenas evitar o 'pneu'. Mas Meligeni voltou a sacar bem no último set e retomou o controle da partida. Ele não enfrentou break-points e cedeu apenas cinco pontos em seus games de serviço para chegar à vitória.

Felipe Meligeni tem agora quatro vitórias na temporada, a mais recente havia sido diante do chileno Nicolas Jarry no quali do ATP de Buenos Aires. Ele ainda se recupera de uma sequência de três quedas consecutivas em estreias. Se ele vencer mais uma, garante 16 pontos no ranking e mais o prêmio em dinheiro que acumular na chave principal.

Superado por Meligeni nesta segunda-feira, Basilashvili chegou ao 16º lugar do ranking em maio de 2019 e tem cinco títulos no circuito da ATP, os mais recentes em Doha e Munique há duas temporadas. Em 2023, o georgiano venceu um jogo de ATP em Montpellier e mais dois em qualis de Roterdã e Doha.

Comentários