Notícias | Dia a dia
Nas duplas, romenas acabam com dinastia tcheca
10/02/2019 às 18h30

Begu e Niculescu venceram duelo de quase três horas contra líderes do ranking

Foto: Martin Sidorjak/ITF

Ostrava (República Tcheca) - Depois de contar com duas vitórias de Simona Halep no fim de semana, uma delas diante de Karolina Pliskova neste domingo, a Romênia cumpriu a difícil missão de eliminar a República Tcheca da Fed Cup. A definição da série, disputada em quadra dura e coberta em Ostrava, ficou para a partida de duplas em que Irina Begu e Monica Niculescu derrotaram as líderes do ranking Barbora Krejcikova e Katerina Siniakova por 6/7 (2-7) 6/4 e 6/4 em 2h54 de partida.

Com a vitória por 3 a 2 no confronto, a Romênia alcança uma semifinal de Fed Cup pela primeira vez na história. Até então os melhores resultados do país na competição haviam sido cinco eliminações nas quartas antes da criação do Grupo Mundial em 1995, além de mais uma participação na elite em 2016. As romenas enfrentarão a França fora de casa na semifinal marcada para os dias 20 e 21 de abril.

Já a República Tcheca disputará os playoffs valendo a permanência no Grupo Mundial. O país é o segundo com maior número de títulos da Fed Cup. Com onze conquistas, cinco delas herdadas da antiga Tchecoslováquia, e só fica atrás dos Estados Unidos. Na presente década, as tchecas têm dominado a competição, com seis títulos nos últimos oito anos, dez semifinais seguidas e vitórias em 20 dos últimos 23 confrontos. Além disso, as tchecas não perdiam em casa desde abril de 2009 para os Estados Unidos.

Com a equipe tcheca perdendo por 2 a 1, Siniakova assumiu a responsabilidade de jogar simples e duplas. A jovem de 22 anos e 44ª do ranking teve desempenho decisivo na final de 2018 contra os Estados Unidos, quando venceu dois jogos em time desfalcado das estrelas Petra Kvitova e Karolina Pliskova, e voltou a se destacar. No quarto jogo da série, Siniakova derrotou a 29ª colocada Mihaela Buzarnescu por 6/4 e 6/2.

A série então ficou empatada e a equipe da casa tinha à disposição Krejcikova e Siniakova, atuais campeãs de Roland Garros e Wimbledon. Já Niculescu, de 31 anos, e Begu, 28, não jogavam juntas pela Fed Cup desde 2015, mas conquistaram um título de WTA em Hua Hin na semana passada e chegaram embaladas para o confronto.

Ainda que as tchecas tivessem uma quebra de vantagem por duas vezes durante o set inicial, Krejcikova e Siniakova permitiram por duas vezes o empate às romenas e não aproveitaram a chance de sacar para fechar. Durante o tiebreak, entretanto, a dupla da casa jogou em altíssimo nível e conseguiu vencer seis pontos seguidos.

A única quebra do segundo set aconteceu logo no game de abertura. Niculescu e Begu saíram na frente e sustentaram a vantagem enfrentando apenas um break point durante toda a parcial. As romenas também foram as primeiras a quebrar e chegaram a abrir 4/2. O empate viria no oitavo game após um incrível winner de forehand de Siniakova que acertou a linha, mas a jovem de 22 anos teria o serviço quebrado novamente logo na sequência e Begu conseguiu manter o serviço no game seguinte para completar a improvável vitória romena.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis