Notícias | Dia a dia
Bellucci e Rogerinho jogarão duplas no Rio Open
13/02/2019 às 16h25

Rogerinho jogou ao lado de Bellucci pela última vez há dois anos

Foto: Arquivo

Rio de Janeiro (RJ) - A organização do Rio Open anunciou nesta quarta-feira os convites para as chaves de duplas do torneio, que acontece entre 16 e 24 de fevereiro no Jockey Club Brasileiro. Os paulistas Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva e a parceria formada por Thiago Monteiro e Fernando Romboli estarão na chave principal, enquanto os jovens de 18 anos Gilbert Klier Júnior e Thiago Wild disputarão o qualificatório.

Além dos mineiros Bruno Soares e Marcelo Melo, que disputarão o torneio juntos pela primeira vez desde 2016, e o gaúcho Marcelo Demoliner, que se unirá ao dinamarquês Frederik Nielsen, o Rio Open contará com mais representantes do país na busca pelo primeiro título do Brasil na competição.

Bellucci e Rogerinho são companheiros de longa data, tendo disputado torneios desde 2006. A dupla paulista, que competiu pela última vez em Wimbledon 2017, volta a jogar junta no Rio de Janeiro.

Já o cearense Monteiro, que derrubou Tsonga na edição de 2016 do Rio Open, unirá forças com o carioca Romboli, em ascensão no circuito de duplas e atual 123ª do ranking. É a primeira vez que os dois disputam um torneio juntos.

A lista dos duplas confirmadas também conta com os colombianos Robert Farah e Juan Sebastian Cabal, bicampeões do Rio Open (2014 e 2016), finalistas do Australian Open em 2018 e a segunda melhor parceria da última temporada. Outro destaque fica por conta da parceira entre espanhol Marc Lopez e o uruguaio Pablo Cuevas, ambos campeões de Roland Garros com diferentes parceiros, López em 2016 e Cuevas em 2008.

“É importante valorizarmos que mais uma vez o Rio Open atrai diversos campeões e finalistas de Grand Slam em sua chave de duplas, o que engrandece a competição e faz com que os fãs acompanhem um altíssimo nível técnico de tênis”, disse Luiz Carvalho, Diretor do Torneio.

O qualificatório de duplas, que acontecerá nos dias 16 e 17 de fevereiro e tem entrada franca, reúne quatro times em busca da última vaga na chave principal. Os jovens Gilbert Klier Júnior e Thiago Wild, companheiros de treino no Rio de Janeiro e grandes promessas do tênis brasileiro, completam os convites dados pela organização.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis