Notícias | Dia a dia
Wawrinka faz semi em Roterdã e volta ao top 50
15/02/2019 às 18h16

Wawrinka não aparecia entre os 50 melhores desde maio do ano passado

Foto: Divulgação

Roterdã (Holanda) - Em ótima semana no ATP 500 de Roterdã, Stan Wawrinka venceu um duelo de gerações contra o jovem canadense de 19 anos Denis Shapovalov para garantir vaga na semifinal do torneio em quadras duras e cobertas. Campeão do evento em 2015, o experiente suíço de 33 anos marcou as parciais de 6/4 e 7/6 (7-4) em 1h29 de partida.

Sem resultados a defender em Roterdã, já que perdeu ainda na primeira rodada no ano passado, Wawrinka já garantiu 180 pontos pela campanha. O resultado é suficiente para que o ex-número 3 do mundo e atual 68º colocado volte ao top 50 no ranking mundial. Lembrando que o suíço passou por duas cirurgias no joelho esquerdo em 2017 e ficou sem jogar durante todo o segundo semestre daquela temporada.

Wawrinka não aparecia entre os 50 melhores do ranking desde a lista divulgada em 28 de maio do ano passado, quando o suíço era o número 30 do mundo. Como foi finalista de Roland Garros em 2017 e perdeu na estreia na temporada seguinte, ele perdeu 1.190 pontos e foi parar na 263ª posição.

Vencedor de 16 títulos de ATP, o último em maio de 2017 no saibro de Genebra, Wawrinka tenta alcançar a 29ª final da carreira. O adversário do suíço na semifinal marcada para às 16h30 (de Brasília) deste sábado virá da partida entre o japonês Kei Nishikori e o húngaro Marton Fucsovics. O suíço lidera o histórico contra Nishikori por 5 a 4, e também leva vantagem sobre Marton Fucsovics, contra quem tem duas vitórias e uma derrota.

A outra semifinal do torneio acontece ao meio-dia e envolve o russo Daniil Medvedev, número 16 do mundo e vindo de título em Sófia, e o 33º colocado francês Gael Monfils. Os dois se enfrentaram apenas uma vez, há uma semana, quando Medvedev levou a melhor na semfinal do torneio na capital búlgara.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis