Notícias | Dia a dia
Monteiro e Wild dão sorte para estreia no Rio Open
16/02/2019 às 19h51

Sempre forte no saibro, Fognini é o cabeça 2

Foto: Arquivo

Rio de Janeiro (RJ) - Únicos brasileiros garantidos na chave principal do ATP 500 do Rio de Janeiro, os convidados Thiago Monteiro e Thiago Wild fugiram dos cabeças de chave na primeira rodada e assim têm chance de vitória na abertura do Rio Open, a partir de segunda-feira, no Jockey Club Brasileiro.

Monteiro enfrentará o português Pedro Sousa, mas em caso de vitória terá um desafio grande pela frente, caso o italiano Marco Cecchinato confirme favoritismo sobre o esloveno Aljaz Bedene. O cabeça 3 está na final de Buenos Aires e certamente jogará apenas na terça-feira.

Wild por sua vez terá pela frente o japonês Taro Daniel, que não tem o saibro como piso favorito. A dificuldade aumentará muito em caso de vitória, já que é provável o cruzamento com o principal favorito e campeão de 2017, o austríaco Dominic Thiem. Batido neste sábado na semi argentina, Thiem começa diante do sérvio Laslo Djere. A sequência de Thiem prevê duelo de quartas contra João Sousa e cruzamento com Cecchinato na semi.

Na outra ponta da chave, o italiano Fabio Fognini fará um curioso duelo de gerações diante da promessa canadense Felix Auger-Aliassime. Sempre muito forte sobre o saibro, pode pegar outro novato nas oitavas, o alemão Maximilian Marterer ou o chileno Christian Garin. O primeiro cabeça em seu caminho é o sérvio Dusan Lajovic.

Finalista neste domingo em Buenos Aires e atual campeão do Rio, o argentino Diego Schwartzman entrou como quarto favorito mas terá uma estreia perigosa diante do uruguaio Pablo Cuevas, vencedor do Rio em 2016.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis