Notícias | Dia a dia
Tricampeão Cuevas recebe convite no Ibirapuera
17/02/2019 às 16h43

Cuevas sempre se adaptou bem à altitude de São Paulo

Foto: Arquivo

São Paulo (SP) - Dono de três títulos consecutivos nas edições de 2015, 2016 e 2017, o uruguaio Pablo Cuevas recebeu o segundo convite para disputar a chave principal do ATP 250 de São Paulo, entre os dias 25 de fevereiro e 3 de março, no Ibirapuera. Além dele, o outro tri do Brasil Open é o espanhol Nicolas Almagro.

Esta será a 10ª participação de Cuevas na história do Brasil Open, sendo a sexta consecutiva. No ano passado, ele disputou o torneio e alcançou as semifinais em São Paulo. "Estou muito feliz que o Brasil Open deu uma vaga para mim. É um torneio do qual tenho boas lembranças. Fico feliz em poder jogar mais um ano", afirma Cuevas.

Aos 33 anos, o tenista iniciou bem a temporada 2019 depois de ter sofrido com uma lesão no pé direito que o deixou fora do US Open em 2018. Nesta segunda-feira ele ocupará a 63ª posição no ranking da ATP, em recuperação depois de ter chegado a ocupar o 94º lugar.

Cuevas foi semifinalista no ATP 250 de Córdoba e alcançou as quartas de final em Buenos Aires, ambos na Argentina, nos dois primeiros torneios da fase sul-americana de saibro, que se encerrará justamente na capital paulista.

O tricampeão do Brasil Open também soma outros três títulos no circuito ATP em simples, com as conquistas de Umag, na Croácia, e Bastad, na Suécia, em 2014, além do Rio de Janeiro, em 2016, em nove finais disputadas.

Com a confirmação de sua presença na chave principal, Cuevas se junta a outros nomes como os argentinos Federico Delbonis e Guido Pella, os espanhóis Jaume Munar e Albert Ramos-Viñolas, o tunisiano Malek Jaziri, o português João Sousa, além do jovem canadense Felix Auger-Aliassime e o paranaense Thiago Wild.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis