Notícias | Dia a dia
Belga consegue virada e leva o bi em Budapeste
24/02/2019 às 16h51

Van Uytvanck perderá um lugar no ranking apesar do título

Foto: WTA

Budapeste (Hungria) - Cabeça de chave número 1 do mundo, a belga Alison van Uytvanck defendeu com sucesso o título conquistado no WTA de Budapeste no ano passado. A tenista de 24 anos fez valer o favoritismo na final deste domingo derrotando de virada a tcheca Marketa Vondrousova com parciais de 1/6, 7/5 e 6/2.

A jovem tenista de apenas 19 anos largou com tudo e dominou as ações no primeiro set. Vondrousova foi quebrada no primeiro game, mas depois só deu ela e faturou os seis games seguintes, anotando um ‘pneu’ moral par cima de van Uytvanck em apenas 29 minutos de partida.

Na segunda parcial a belga foi mais firme, trocou duas quebras com Vondrousova entre o quinto e o oitavo games e conseguiu o empate graças a um break na reta final. Van Uytvanck superou o serviço da tcheca no 11º game e em seguida sacou para empatar a partida e forçar o terceiro set.

Van Uytvanck deu enorme passo rumo ao bicampeonato ao marcar 4/0 na largada do terceiro set e depois precisou apenas administrar a vantagem até o fim para levantar sua terceira taça da carreira em três finais disputadas. Do outro lado, Vondrousova perdeu a primeira decisão da carreira.

Com a conquista deste domingo, a belga defende os 280 pontos conquistados no ano passado e leva para casa um cheque de US$ 43 mil, mas mesmo assim perderá um lugar no ranking da WTA e cairá para o 51º posto. Do outro lado, a jovem tcheca disparará 19 lugares e irá para a 62ª colocação.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis