Notícias | Dia a dia
Federer é exigido, mas bate alemão pela 14ª vez
25/02/2019 às 13h50

Federer segue sem nunca ter perdido para Kohlschreiber

Foto: Divulgação

Dubai (Emirados Árabes) - Em sua quinta partida da temporada, o suíço Roger Federer superou a falta de ritmo e, apesar de duas quebras sofridas e da perda de um set, marcou sua 14ª vitória em cima do alemão Philipp Kohlschreiber. O placar foi de 6/4, 3/6 e 6/1 em 1h35 de partida. Além de nunca ter perdido para Kohlschreiber, Federer só perdeu quatro sets para o alemão de 35 anos e 31º do ranking. 

Na segunda rodada do ATP 500 de Dubai, onde busca o oitavo título, enfrentará o canhoto Fernando Verdasco, outro adversário para quem jamais perdeu em seis duelos anteriores. Mais cedo, o espanhol de 35 anos passou com certa dificuldade pelo italiano Thomas Fabbiano, vindo do qualificatório, por 3/6, 6/3 e 6/2.

Segunda casa de Federer, Dubai pode enfim dar o 100º troféu da carreira ao suíço de 37 anos, certamente uma de suas principais metas da temporada. Caso chegue ao título, ele também retornará ao quarto lugar do ranking. O ex-líder do ranking inicia a semana na sétima posição.

Na partida desta segunda-feira, Federer ser agressivo, mas uma certa ferrugem o fez cometer alguns erros da base. Conseguiu quebra logo no game inicial e isso ajudou. Levou dois pequenos sustos, com duas duplas faltas seguidas e um 15-30 no game de encerramento do set, mas se recuperou sempre com o primeiro serviço. Conseguiu 13 winners contra apenas 3 do alemão.

O segundo set começou favorável a Kohlschreiber, que aproveitou a instabilidade do suíço no saque para abrir 3/0. Federer chegou a devolver a quebra no quinto game, mas voltaria a perder o saque logo na sequência. O ex-número 1 do mundo venceu apenas 11 dos 21 pontos jogados em seus games de serviço durante a parcial e viu o alemão aproveitar os dois break points que teve.

O domínio de Federer foi retomado no set decisivo. O suíço colocou 80% de primeiros serviços em quadra e só perdeu dois pontos em seus games de saque. A primeira quebra da parcial aconteceu ainda no começo para que Federer abrisse 3/0, a segunda, foi já no sexto game, depois de o ex-líder do ranking sustentar um rali com 19 trocas de bola. Sacando para fechar, Federer foi bastante eficiente e não correu mais riscos. O suíço liderou a estatística de winners por 29 a 16, e terminou o jogo com 29 erros contra 26 do alemão.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis