Notícias | Dia a dia
Estreante em ATP, Sakamoto tem celebração discreta
26/02/2019 às 07h00

Sakamoto enfrentará o sexto pré-classificado

Foto: Marcello Zambrana/DGW Comunicação
Felipe Priante

São Paulo (SP) - Único brasileiro a furar o qualificatório do Brasil Open, o paulista Pedro Sakamoto abrirá a rodada desta terça-feira contra o jovem espanhol Jaume Munar, no que será seu primeiro jogo de ATP da carreira. Com 25 anos, o destro natural de Guarulhos tentará manter o embalo para buscar sua melhor marca no ranking.

Atual 389º do mundo, ele está subindo provisoriamente para o 376º lugar e igualando seu melhor, podendo ganhar por volta de mais 20 colocações se superar a estreia. “Estou muito feliz por ter passado esse quali e espero jogar meu melhor tênis, tentar desfrutar e não deixar a peteca cair. Jogando em casa é ainda mais prazeroso e especial”, comentou o atual número 6 do país.

Sua comemoração após o feito de entrar em um ATP pela primeira vez foi até que discreta, sem extravagância alguma. “Foi uma noite mais normal do que esperava, voltei para casa, fiquei com a família e jantamos juntos. Deixamos o ambiente o mais leve possível para curtir esse momento especial”, disse Sakamoto, que tentará fazer o possível para vencer nessa sua estreia.

“Neste torneio não tem jogo fácil, ele é um cabeça de chave. Tenho que me concentrar para manter o plano de jogo. Espero um duelo muito acirrado e vou brigar muito porque ele é um cara muito competitivo e por isso preciso elevar meu nível”, comentou o paulista, que treinou até os 21 anos em São Paulo, mudando então algo de novo na academia Tennis Route, no Rio.

“A partir disso comecei a colher frutos e o resultado de ontem mostrou que o trabalho está sendo bem feito”, falou o paulista, que também deu uma breve descrição de sua personalidade. “Sou alegre e feliz, sempre sorrindo para todo mundo, tenho meus momentos de ficar bravo, mas consigo manejar muito bem isso”, finalizou.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis