Notícias | Dia a dia
Nadal perde match-points e Kyrgios vence batalha
28/02/2019 às 02h21

Kyrgios fez jogadas espetaculares o tempo todo

Foto: Arquivo

Acapulco (México) - O espanhol Rafael Nadal não conseguiu confirmar os três match-points que teve, cometeu dupla falta em hora crucial e com isso acabou batido pelo australiano Nick Kyrgios num incrível duelo de 3h03 por vaga nas quartas de final do ATP 500 de Acapulco. O duro placar foi de 6/3, 6/7 (2-7) e 7/6 (8-6).

Com os joelhos enfaixados e atendimento para lombar antes do terceiro set, Kyrgios terá de se recompor para o duelo desta quinta-feira diante do suíço Stan Wawrinka, que mais cedo passou pelo norte-americano Steve Johnson em jogo duro e parciais de 7/6 (7-5) e 6/4. Wawrinka ganhou três dos cinco duelos, mas os dois se cruzaram apenas uma vez desde maio de 2016.

Para obter sua terceira vitória em seis duelos contra Nadal, Kyrgios precisou se recompor após um primeiro set dominado pelo espanhol. Nadal contou com a paciência, aproveitando as falhas de primeiro saque do australiano e aí usou muito bem as bolas profundas e com direções variadas. A única quebra do primeiro set veio num break-point isolado no sexto game. Kyrgios pediu atendimento médico mas voltou para o segundo set e aí elevou o nível.

O potente saque e dezenas de golpes criativos e inesperados deixaram o espanhol na defensiva, mas Nadal se manteve firme no saque e empurrou a decisão ao tiebreak, onde então a agressividade do australiano fez diferença. Kyrgios permitiu cinco break-points no sexto game do terceiro set, mas conseguiu sobreviver a todos, contando sempre com ousadia e força. A decisão foi a novo tiebreak. Desta vez, Nadal mudou de atitude e forçou mais. Aguardou erro bobo que lhe deu 4-2 e chegou a ter 6-3 e depois 6-5 com saque a favor. Kyrgios fez voleio arriscadíssimo e ganhou então uma dupla falta de presente. Com segundo serviço, trocou bola e o erro final do espanhol. Kyrgios disparou 58 winners frente a 39, mas errou 49 vezes contra apenas 17.

Quem vencer entre Kyrgios e Wawrinka irá enfrentar John Isner ou John Millmann. O gigante norte-americano confirmou condição de cabeça 3 e tirou o compatriota Sam Querrey, por duplo 6/4, enquanto o australiano superou com facilidade o alemão Peter Gojowczyk, por 6/0 e 6/2.

Na parte inferior da chave, Francês Tiafoe falhou de novo e parou no compatriota Mackenzie McDonald, por 6/7 (7-9), 7/5 e 6/3. Seu adversário será o britânico Cameron Norris, que tirou Diego Schwartzman por 7/6 (7-5), 4/6 e 6/3. A outra vaga na semi terá Alex de Minaur contra Alexander Zverev ou David Ferrer. O espanhol Feliciano López abandonou por contusão e nem entrou na quadra para encarar De Minaur.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis