Notícias | Dia a dia
Tipsarevic dispara contra circuito de transição da ITF
01/03/2019 às 18h44

Belgrado (Sérvia) - Mais um que saiu disparando contra o circuito de transição da ITF, implementado neste ano, foi o sérvio Janko Tipsarevic. Em vídeo publicado em seu perfil no Instagram, ele reclamou das mudanças, argumentando que elas só atrapalham o tênis, complicam a vida dos jogadores de ranking mais baixo e os afastam do profissionalismo.

“As alterações feitas pela ITF não fazem nada além de destruir o esporte. Vejo muita dor e sofrimento para jogadores que estão em um nível inferior de suas carreiras e que mal podem competir em torneios”, afirmou o ex-top 10, que atualmente ocupa apenas a modesta 455ª colocação no ranking.

“Além disso, para expandir nossa base de fãs é preciso envolver as pessoas, não precisamos confundir ainda mais com dois sistemas de classificação diferentes. A ITF não só está reduzindo jogadores, mas também treinadores, preparadores físicos, fisioterapeutas, diminuindo tudo. Os jogadores estão perdendo a vontade de ter esse sonho”, complementou o sérvio.

 

 
 
 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Changes make sense if they are good. Changes make sense if they are for the benefit of tennis. However the latest changes to the rankings harm tennis and harm young upcoming players.

Uma publicação compartilhada por Janko Tipsarevic (@tipsarevicjanko) em

Os brasileiros também não gostaram do novo circuito da ITF e reclamaram bastante das mudanças. A própria entidade que comanda o tênis acabou reconhecendo alguns erros e deu o primeiro passo para trás, aumentando um pouco o tamanho das chaves dos qualificatórios de seus torneios, subindo de 24 para 32 participantes.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis