Notícias | Dia a dia
Djokovic faz dupla com Fognini em Indian Wells
06/03/2019 às 08h54

Djokovic e Fognini podem cruzar com Bruno na 2ª rodada

Foto: Arquivo

Indian Wells (EUA) - Assim como de costume, a chave de duplas do Masters 1000 de Indian Wells está recheada de jogadores de simples, com destaque para o número 1 do mundo Novak Djokovic, que jogará ao lado de Fábio Fognini. A parceria do sérvio com o italiano abrirá campanha contra o canadense Milos Raonic e o francês Jeremy Chardy.

Na segunda rodada, Djokovic e Fognini podem enfrentar o mineiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray, cabeças de chave número 2, que estreiam contra o indiano Rohan Bopanna e o canadense Denis Shapovalov. Quem avançar chegará às quartas de final, podendo cruzar com os oitavos favoritos Henri Kontinen/John Peers ou com Jean-Julien Rojer/Horia Tecau.

O outro quadrante da parte de baixo da chave tem o mineiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot, sextos pré-classificados, que enfrentam o holandês Wesley Koolhof e o grego Stefanos Tsitsipas na primeira rodada. Os vencedores pegarão o austríaco Dominic Thiem e o norte-americano Steve Johnson ou contra a dupla do australiano Nick Kyrgios com o norte-americano Taylor Fritz.

Se chegarem às quartas, Melo e Kubot devem cruzar com os norte-americano Bob e Mike Bryan, cabeças de chave 4, que iniciam sua caminhada diante da parceria dos jovens russos Karen Khachanov e Daniil Medvedev.

A dupla mais bem cotada ao título é a dos franceses Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut, que terá como primeiros rivais os norte-americanos John Isner e Sam Querrey. Quem passar enfrentará o time do croata Nikola Mektic com o argentino Horacio Zeballos ou os britânicos Kyle Edmund e Neal Skupski.

Ainda neste pedaço da tabela aparece o suíço Stan Wawrinka, que jogará ao lado do francês Lucas Pouille e enfrentará o croata Ivan Dodig e o francês Edouard Roger-Vasselin. Na segunda rodada quem passar pode cruzar com os irmãos alemães Alexander e Mischa Zverev, que estreiam contra os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah, quintos mais bem cotados.

Quem sair desta parte da chave deverá cruzar em uma eventual semifinal com o austríaco Olivier Marach e o croata Mate Pavic, terceiros pré-classificados. Também podem pintar o sul-africano Rave Klaasen e o neozelandês Michael Venus, cabeças de chave 7, com o japonês Ben McLachlan e o alemão Jan-Lennard Struff correndo por fora.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis