Notícias | Dia a dia
Resignado, Nadal quer mostrar competitividade
07/03/2019 às 13h14

Nadal já venceu em Indian Wells três vezes

Foto: ATP

Indian Wells (EUA) - Atual número 2 do mundo, o espanhol Rafael Nadal ainda busca seu primeiro título na temporada e tentará fazer o possível para que a conquista possa vir no Masters 1000 de Indian Wells, onde estreará direto na segunda rodada, esperando pelo vencedor do duelo entre o convidado da casa Jared Donaldson e o quali japonês Tatsuma Ito.

"Adoraria ter vencido o Australian Open e o ATP 500 de Acapulco, mas essas coisas acontecem. Eu não deveria estar infeliz depois de tudo o que passei nos últimos quatro ou cinco meses", afirmou o resignado Nadal, que enfrentou uma série de problemas físicos no fim de 2018, entre eles lesão nos joelhos, no abdome e no tornozelo.

Ele voltou ao circuito em Melbourne, ficando com o vice-campeonato. "Tive muitos problemas com o meu corpo no último ano e meio, mas mesmo assim consegui ser competitivo e ainda lutei pelos títulos mais importantes", destacou o canhoto de Mallorca, derrotado pelo sérvio Novak Djokovic na final do Australian Open.

Superado pelo australiano Nick Kyrgios na segunda rodada em Acapulco, o espanhol pode não ter ficado muito feliz com o resultado, mas acredita que possa melhorar e seguir brigando pelos principais títulos. "Esta é uma parte importante da temporada para mim e para minha saúde mental, na qual posso provar que sou competitivo quando pronto para jogar", afirmou.

Nadal ainda destacou o clima que encontra em Indian Wells, um lugar mais tranquilo e que o agrada bastante. "Eu amo não estar em uma cidade grande, gosto da calma que temos aqui no deserto. Também gosto do visual do local e, além disso, a organização aqui é uma das melhores", finalizou o vice-líder da ATP.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis