Notícias | Dia a dia
Nadal ainda não garante presença em Miami e Madri
13/03/2019 às 10h23

Nadal segue firme na disputa em Indian Wells

Foto: Divulgação

Indian Wells (EUA) - Depois de encarar uma turbulenta temporada de 2018, marcada por uma série de lesões, principalmente na reta final do ano, o espanhol Rafael Nadal pretende fazer um calendário mais enxuto na atual temporada e por isso pode cortar alguns eventos. Classificado para as oitavas de final do Masters 1000 de Indian Wells, ele não garantiu ainda se irá mesmo jogar em Miami e Madri.

“Preciso fazer as coisas da melhor maneira possível para impedir que aconteça como no ano passado, que foi muito difícil para mim. Sofri muitas lesões e quero evitar que isso aconteça porque é difícil jogar apenas nove torneios em uma temporada e terminar apenas sete deles. Se você quer jogar apenas nove torneios, tudo bem, mas se você jogar mais e não consegue por problemas, as coisas são diferentes”, observou.

O número 2 do mundo sabe que precisa gerir melhor os eventos para poder jogar por mais tempo. “Não consigo dizer ainda o que vou fazer, levo no dia a dia. Quanto ao calendário, vamos ver a cada semana, gostaria muito de estar em Miami e gostaria principalmente de estar em Madrid, pois em casa é sempre especial".

Sobre a vitória para cima do argentino Diego Schwartzman, o canhoto de Mallorca destacou seu desempenho no saque. “Meu serviço novamente funcionou muito bem, especialmente na primeira parcial e estou feliz por ter vencido um jogo contra alguém como Diego, que já me complicou no passado”, afirmou o espanhol, que venceu 77% dos pontos com o saque.

Na próxima rodada, Nadal terá pela frente o sérvio Filip Krajinovic. “Ele está jogando muito bem, precisa ser assim para vencer primeiro (David) Goffin e depois (Daniil) Medvedev, aquele que mais jogos ganhou neste ano. Está com a confiança alta e por isso será difícil, precisarei manter o nível alto para poder superá-lo”, analisou o espanhol.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis