Notícias | Dia a dia
Andreescu brilha de novo e conquista seu 1º título
17/03/2019 às 19h28

Andreescu ainda não sabe o que é perder para uma top 10

Foto: WTA

Indian Wells (EUA) - A promissora canadense Bianca Andreescu despontou de vez para o circuito com a conquista deste domingo no Premier de Indian Wells. Em sua segunda final da carreira, ela faturou seu primeiro título como profissional com uma vitória espetacular sobre a alemã Angelique Kerber, batendo a ex-número 1 do mundo com parciais de 6/4, 3/6 e 6/4.

Começando a temporada no 152º lugar do ranking, a canadense de 18 anos iniciou o torneio como 60ª colocada e está saltando para a 24ª colocação com o título. Sua vitória sobre Kerber foi a terceira em três jogos contra top 10.

Apesar da pouca idade, Andreescu começou firme em sua segunda final da carreira e logo no primeiro set deu trabalho à rival alemã, que salvou três break-points e no quarto acabou levando a quebra. A canadense mostrou um nível de jogo quase impecável, não deu brechas para a recuperação de Kerber e manteve a vantagem até o final para abrir 1 a 0.

No começo do segundo set, a tenista de 18 anos voltou a pressionar e no terceiro game perdeu as duas chances de quebra que teve. Porém, na sequência ela não sacou bem, perdeu dois game-points e levou a pior no primeiro break que cedeu. Kerber abriu 4/1 na parcial e aproveitou o melhor momento para seguir na frente até o fim e empatar a final.

Andreescu não apenas sentiu a perda do segundo set, mas também acusou a dificuldades físicas, chegando a pedir atendimento no fim do terceiro game, recebendo massagem no braço direito, no qual já levava uma proteção próxima ao cotovelo. Quebrada no quinto game, a canadense parecia estar entregue, mas foi então que seu técnico entrou em quadra e tudo mudou.

O discurso positivo, focado no lado mental, fez a canadense conseguir uma incrível reviravolta, saindo de 2/3 para 5/3 e saque. Foi então que Kerber tratou de sobreviver, salvou três match-points com seu excepcional poder defensivo e quebrou Andreescu. Só que a alemã não aproveitou em nada a situação e logo em seguida foi quebrada, numa grande sucessão de bolas arriscadas da canadense, que parecia incrédula com a conquista. Jogou-se à quadra e ficou estirada antes de correr para comemorar com seu time.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis