Notícias | Dia a dia
Cinco jogadoras disputam o número 1 em Miami
18/03/2019 às 15h33

Svitolina precisa ser campeã e torcer por eliminação de Osaka na estreia

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - Assim como já havia acontecido em Indian Wells, cinco jogadoras disputarão a liderança do ranking mundial feminino durante as duas semanas de competições do WTA Premier de Miami. A atual número 1 do mundo Naomi Osaka tem sua posição ameaçada por Simona Halep, Petra Kvitova, Angelique Kerber e Elina Svitolina.

Diferente do que acontecia na Califórnia, onde era atual campeã e tinha mil pontos a defender, Osaka agora defende 35 pontos, já que caiu ainda na segunda rodada da edição passada. Para não depender de outros resultados na busca pela manutenção da liderança, a japonesa precisaria ser finalista do torneio. Mas, com 5.991 pontos, a atual número 1 vê as rivais com a necessidade de ótimas campanhas na Flórida.

Uma vitória de Osaka ainda na estreia, diante de uma adversária que virá do qualificatório, já será suficiente para tirar Svitolina da disputa pela liderança do ranking. Além disso, se a japonesa chegar às quartas, Kerber também já ficaria sem chances de alcançar a liderança, enquanto Halep e Kvitova precisariam do título.

Em caso de uma eliminação precoce da atual número 1 do mundo, a disputa ficaria mais aberta. Tanto Kvitova quanto Halep teriam chances de ultrapassar a japonesa chegando à final da competição, enquanto Kerber e Svitolina ainda precisariam vencer o torneio e torcer por uma combinação favorável de outros resultados.

Lembrando que em Indian Wells também houve uma disputa com cinco nomes. Osaka conseguiu manter a primeira posição, mesmo sendo ameaçada por Petra Kvitova, Simona Halep, Sloane Stephens e Karolina Pliskova.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis