Notícias | Dia a dia
Ex-técnico de Osaka exige pagamento milionário na Justiça
18/03/2019 às 20h10

Ex-treinador alega ter firmado contrato vitalício com o pai da tenista

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - Líder do ranking mundial, Naomi Osaka está sendo processada pelo ex-técnico Christophe Jean. O treinador, que trabalhou lado da jogadora japonesa e de sua irmã mais velha Mari Osaka, alega ter assinado um contrato vitalício que previa o pagamento de 20% das premiações e patrocínios arrecadados pelas duas tenistas.

Segundo o site TMZ, Jean assinou um contrato com o pai das jogadoras Leonard François ainda em 2011, quando Naomi Osaka tinha 14 anos e Mari tinha 15. Os termos foram assinados porque o pai das tenistas não teria dinheiro para arcar com os custos do treinador naquela época.

Com apenas 21 anos, Naomi Osaka já acumulou mais de US$ 10,8 milhões em sua carreira profissional. Já sua irmã Mari Osaka, um ano mais velha, é atual 336ª do ranking e acumula premiação de US$ 58 mil na carreira. Além das duas jogadoras, Jean também processou o pai, Leonard François, natural do Haiti. O caso corre no Tribunal Estadual da Flórida. Caso obtenha êxito, o ex-treinador receberia no mínimo US$ 2,16 milhões.

Atual campeã do Australian Open e do US Open, Naomi Osaka passou recentemente por uma mudança de treinador. A japonesa encerrou a vitoriosa parceria com o alemão Sascha Bajin, com quem conquistou seus títulos mais importantes em pouco mais de um ano, para firmar acordo com o norte-americano Jermaine Jenkins. Na época em que se separou de Bajin, Osaka garantiu que o motivo do rompimento não era financeiro.

"Todo mundo acha que a separação foi relacionada ao dinheiro, mas não foi. Para mim, essa é uma das coisas mais dolorosas que já ouvi. Eu vejo a minha equipe mais do que a minha família, sempre viajamos juntos e nunca faria isso com eles", disse em entrevista coletiva, durante o WTA Premier de Dubai, em fevereiro. "Acho que minha razão é que eu não colocaria o sucesso acima da minha felicidade. Essa é a minha principal coisa. Não vou dizer qualquer coisa ruim sobre ele porque sou muito grata pelas coisas que ele fez".

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis