Notícias | Dia a dia
Kvitova é exigida, mas garante vaga nas oitavas
23/03/2019 às 16h24

Kvitova encara a ex-top 5 Caroline Garcia na próxima fase em Miami

Foto: Divulgação

Miami (EUA) - Vice-líder do ranking mundial e ainda postulante ao posto de número 1 do mundo, Petra Kvitova garantiu seu lugar nas oitavas de final do WTA Premier de Miami. A canhota tcheca precisou de três sets e 2h35 para superar a croata Donna Vekic, 25ª do ranking, por 6/4, 3/6 e 6/4.

O resultado serve como uma revanche para Kvitova, que havia perdido para Vekic nas quartas de final de São Petersburgo, em fevereiro. A tcheca de 29 anos também reassume a liderança no retrospecto diante da croata, agora com duas vitórias e uma derrota contra a rival de 22 anos.

Para assumir pela primeira vez na carreira a liderança do ranking mundial, Kvitova precisa ser campeã em Miami. Outra possibilidade para a tcheca seria ficar com o vice-campeonato, desde que Simona Halep não conquiste o título e a atual número 1 Naomi Osaka seja eliminada antes da semifinal.

A vitória deste sábado foi a 19ª de Kvitova na temporada. Ela e a canadense Bianca Andreescu são as jogadoras que mais venceram jogos em chaves principais de WTA neste início de 2019. Entretanto, Andreescu já venceu 30 jogos no ano, porque também disputou alguns qualificatórios e conquistou um título em torneio da série 125k.

A adversária de Kvitova nas oitavas de final será a francesa Caroline Garcia, ex-número 4 do mundo e atual 21ª colocada, que derrotou a top 15 alemã Julia Goerges por 6/0 e 7/5. Ainda que o retrospecto de seis jogos esteja empatado por 3 a 3, a canhota tcheca tem apenas uma vitórias nos últimos quatro duelos contra a rival francesa.

Ainda na tarde deste sábado, Ashleigh Barty fez valer sua melhor fase no duelo australiano contra Samantha Stosur. A jovem de 22 anos e número 11 do mundo precisou de apenas 58 minutos para marcar 6/0 e 6/3 contra a experiente compatriota de 34 anos, ex-top 5 e atual 83ª colocada. Barty agora espera pela vencedora entre a holandesa Kiki Bertens e a eslovaca Viktoria Kuzmova.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis