Notícias | Dia a dia
Bautista destaca quebra de volta imediata no 2º set
27/03/2019 às 12h27

Bautista bateu Djokovic pela 2ª vez no ano

Foto: Divulgação

Miami (EUA) - Algoz do sérvio Novak Djokovic pela segunda vez na temporada, o espanhol Roberto Bautista conseguiu uma incrível virada para cima do número 1 do mundo nas oitavas de final do Masters 1000 de Miami, cujo ponto crucial foi ter devolvido logo em seguida a quebra sofrida no começo do segundo set.

“Acredito que a chave para a vitória foi o segundo set. Sabia que se quisesse buscar a virada precisava ficar junto no marcador. Novak é um tenista que quando está na frente fica ainda melhor, basta ver como aconteceu no primeiro set e comparar com os seguintes”, observou Bautista, que perdeu a primeira parcial por 6/1 e depois se recuperou.

O espanhol chegou a ver ‘Nole’ sacar para fazer 2/0 no segundo set, quando conseguiu imediatamente devolver a quebra, evitando que o líder do ranking deslanchasse na partida. “Decidi ser mais agressivo. Tentei evitar os erros não foçados e manter o foco em todos os pontos”, observou o atual número 25 do mundo.

“Isso tudo funcionou no final e graças a Deus pude chegar às quartas de final de um Masters 1000. Sem dúvida é uma alegria imensa”, complementou Bautista, que já havia superado Djokovic em 2019, nas semifinais do ATP 500 de Doha.

“As condições aqui são mais lentas que em Doha e me custou um pouco de tempo para me acostumar com a quadra central. Hoje (terça-feira) foi um dia muito úmido e quente, foi duro correr atrás da bola em certos momentos”, finalizou o espanhol, que desafiará o atual campeão John Isner nas quartas de final. Eles se enfrentaram já três vezes, com dois triunfos do norte-americano e um do espanhol.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis