Notícias | Dia a dia
Bencic avança às quartas, Bertens e Sabalenka caem
04/04/2019 às 16h09

Bencic marcou boa vitória para avançar em Charleston

Foto: Divulgação

Charleston (EUA) - Pelo segundo dia seguido, Belinda Bencic saiu ilesa de uma rodada marcada por surpresas no WTA Premier de Charleston. Cabeça 9 do torneio, a suíça de 22 anos e 21ª do ranking superou a norte-americana Taylor Townsend, 83ª colocada, por 6/2 e 7/5 para se garantir nas quartas de final do torneio disputado quadras de har-tru (saibro verde).

Bencic já foi número 7 do mundo em 2016, antes de sofrer com lesões nas costas e no punho, que a fizeram sair até do top 300. Em 2019, a jovem jogadora suíça vem de bons resultados, com destaque para o título em Dubai e a semifinal de Indian Wells.

Durante a partida de 1h21 desta quinta-feira, Bencic liderou a contagem de winners por 23 a 21, além de terminar a partida com apenas 11 erros contra 24 de sua adversária. A suíça conquistou quatro quebras e só perdeu um game de serviço. Sua próxima adversária será a croata Petra Martic, 53ª do ranking, que venceu a norte-americana Jessica Pegula por 2/6, 6/3 e 6/2.

Quem se despediu do torneio foi a atual campeã Kiki Bertens. Número 6 do mundo, a holandesa foi surpreendida pela 50ª colocada grega Maria Sakkari por 7/6 (10-8) e 6/3. Aos 23 anos, Sakkari comemora sua terceira vitória de Sakkari contra uma top 10 na carreira. Ela agora espera pela vencedora entre Caroline Wozniacki e Monica Buzarnescu.

Já Bertens defende apenas 55 dos 470 pontos que tinha a descontar e deve perder pelo menos uma posição. A holandesa liderou a primeira parcial por 5/3 e teve quatro set points, mas permitiu a reação de sua adversária no set e no jogo. No segundo set, Sakkari conseguiu três quebras contra apenas uma da atual campeã. Ao todo, foram seis quebras para a grega e quatro para a holandesa em toda a partida.

Outra surpresa ficou por conta da eliminação de Aryna Sabalenka, número 10 do mundo e terceira cabeça de chave. A bielorrussa de 20 anos perdeu por 6/2 e 7/5 para a porto-riquenha Monica Puig, 63ª do ranking. Campeã olímpica no Rio de Janeiro em 2016, Puig está com 25 anos e ocupa o 63º lugar do ranking. A porto-riquenha marcou sua sétima vitória contra top 10 e espera por Danielle Collins ou Kaia Kanepi.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis