Notícias | Dia a dia
Errani vence em rodada chuvosa na Colômbia
09/04/2019 às 19h51

Ex-top 5, Sara Errani entrou na chave em Bogotá como lucky-loser

Foto: Divulgação

Bogotá (Colômbia) - Em rodada bastante prejudicada pela chuva, a italiana Sara Errani foi uma das poucas jogadoras que conseguiu vencer nesta terça-feira pelo WTA de Bogotá. A ex-número 5 do mundo avançou no saibro da capital colombiana depois de vencer a romena vinda do quali Irina Bara por 4/6, 6/2 e 6/3 em 2h10 de partida.

Aos 31 anos, Errani aparece apenas no 243º lugar do ranking mundial. Finalista de Roland Garros em 2012 e vencedora de nove torneios da WTA, a experiente italiana entrou na chave principal em Bogotá como lucky-loser e enfrenta nas oitavas de final a holandesa Bibiane Schoofs, que derrotou a convidada local de 18 anos Emiliana Arango por 6/2 e 6/4.

Uma experiente jogadora que não teve a mesma sorte foi a convidada Sabine Lisicki. Finalista de Wimbledon em 2013 e ex-número 12 do mundo, a alemã de 29 anos aparece atualmente no 298º lugar e perdeu na segunda-feira à noite para a promessa norte-americana de 17 anos e 76ª do ranking Amanda Anisimova por 4/6, 6/3 e 6/2. Anisimova agora enfrenta a também norte-americana Varvara Lepchenko.

Duas cabeças de chave que estiveram em quadra na tarde desta terça-feira venceram seus jogos. A espanhola Sara Sorribes, cabeça 7 do torneio e 79ª colocada, marcou um duplo 6/4 contra a norte-americana Christina McHale e vai enfrentar a romena Ana Bogdan. Já a polonesa Magda Linette, oitava favorita e 85ª do ranking, venceu a espanhola Aliona Bolsova por 2/6, 7/6 (7-5) e 6/0 e agora espera pela vencedora da partida entre a norte-americana Shelby Rogers e a australiana Astra Sharma.

Principal nome na disputa do WTA de Bogotá, Jelena Ostapenko foi uma das jogadoras que ainda não puderam estrear na competição. Campeã de Roland Garros em 2017 e ex-número 5 do mundo, a letã de 21 anos é a atual número 29 do mundo e enfrentará a lucky-loser norte-americana Kristie Ahn apenas no fim de noite desta terça-feira. Também não estreou ainda a cabeça 5 eslovena Tamara Zidansek, adversária da canhota russa Irina Khromacheva, em jogo que só acontece na quarta-feira.

Já pela segunda rodada do torneio, um dos destaques fica por conta de Beatriz Haddad Maia. Depois de furar o quali e ainda vencer a ex-top 30 alemã Laura Siegemund pela primeira fase da chave principal, a número 1 do Brasil e 165ª do ranking disputa as oitavas de final. Bia entra em quadra às 13h (de Brasília) desta quarta-feira e irá desafiar a eslovaca Anna Karolina Schmiedlova, número 66 do mundo e atual campeã do torneio. 

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis