Notícias | Dia a dia
Fognini reage e escapa de nova queda na estreia
15/04/2019 às 12h43

Monte Carlo (Mônaco) - Por pouco o italiano Fabio Fognini não amargou mais uma derrota na estreia. Fazendo um começo de temporada muito abaixo da média, o atual 18 do mundo flertou com a eliminação no Masters 1000 de Monte Carlo diante do russo Andrey Rublev, mas conseguiu dar a volta por cima e venceu de virada, com parciais de 4/6, 7/5 e 6/4.

Esta foi apenas a segunda vitória de Fognini em dois meses e meio e a quinta neste ano, em que já foi derrotado oito vezes. Seu próximo oponente no saibro monegasco será o vencedor da partida envolvendo o francês Gilles Simon e o australiano Alexei Popyrin, que entrou na chave através do qualificatório.

No primeiro set da partida, o italiano chegou a ter quebra de frente em duas oportunidades distintas, mas depois de abrir 3/2 só venceu mais um dos cinco games restantes e deu seu tradicional show de reclamações e mau comportamento. A situação se complicou ao ver Rublev fazer 4/1 na segunda parcial. Foi então que Fognini mudou a chave e iniciou a reação.

O cabeça de chave 13 venceu seis dos sete games seguintes e empatou o jogo. No terceiro e decisivo set, ele conquistou uma quebra logo no terceiro game e administrou a vantagem até o final para ficar com a vitória e escapar de mais uma eliminação precoce.

Thiem vai estrear contra Klizan

Quarto mais bem cotado em Monte Carlo, o austríaco Dominic Thiem conheceu seu adversário da estreia. Entrando direto na segunda rodada, ele enfrentará o eslovaco Martin Klizan, atual 50 do mundo, que derrotou o argentino Federico Delbonis em dois apertados sets, marcando parciais de 7/6 (7-3) e 7/5. Será o sexto embate entre Klizan e Thiem com vantagem de 4 a 1 para o austríaco no retrospecto.

Também viu a definição de seu primeiro rival o grego Stefanos Tsitsipas, outro que sai avançado na chave. Sexto pré-classificado, ele terá pela frente o cazaque Mikhail Kukushkin, que derrotou o francês Jeremy Chardy por 2 sets a 0, com o placar final de 6/3 e 6/4.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis