Notícias | Dia a dia
Kyrgios: 'Acabem com saibro e convertam em grama'
16/04/2019 às 08h35

Camberra (Austrália) - Mais uma vez o australiano Nick Kyrgios resolveu sem meter em uma polêmica. Desta vez ele resolveu não esconder seu descontentamento pelo começo de mais uma temporada de saibro e disparou contra o piso.

“Não posso acreditar que estou aqui nessa superfície, que nem deveria ser considerada superfície. Que acabem com toda a temporada de saibro e a convertam em grama”, escreveu o australiano em uma publicação no Instagram.

O australiano já havia, no ano passado, segundo recuperou o Punto de Break, mostrado toda sua paixão pela grama e chateação em jogar no saibro. “Wimbledon é a maior coisa dentro do tênis, e você ganha lá haverá alcançado o topo neste esporte. Vejo como o lugar em que nasceu o tênis”, disparou.

“Tem gente que diz que o tênis não pertence à grama, mas isso não é certo, na verdade é o tênis em sua máxima expressão. Você precisa ser muito talentoso para jogar sobre a grama, se tem um bom saque e faz bem o resto, acaba recompensado”, acrescentou o atual 34 do mundo.

 
 
 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.
 
 
 
 
 
 
 
 
 

I’m just tryna have some fun 🔥🙌🏽🤦🏽‍♂️🤭🙏🏽😌🎾🌿☘️⚡️🌈❄️🎾🍩🍭🎧 #sorrynotsorry😂

Uma publicação compartilhada por Kygs (@k1ngkyrg1os) em

“Para mim, tênis em terra batida não é tênis, não há criatividade. Tudo circula em estar em forma e em aguentar o máximo de tempo”, finalizou o australiano de 23 anos, que venceu seus cinco títulos no piso duro, fez outras duas finais neste piso e chegou a um vice-campeonato no saibro (Estoril 2015).

Seu desempenho realmente é pior na terra batida do que nas outras duas superfícies. Kyrgios venceu 55,8% dos jogos que disputou no saibro, contra 64,5% na grama e 65,8% no piso duro. Antes de Roland Garros, ele disputará os Masters 1000 de Madri e Roma.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis