Notícias | Dia a dia
Azarenka volta a jogar em simples na Fed após 3 anos
19/04/2019 às 14h56

Azarenka enfrentará Bary na madrugada deste sábado pela Fed Cup

Foto: SMP Images/Divulgação

Brisbane (Austrália) - Pela primeira vez desde abril de 2016, Victoria Azarenka disputará uma partida de simples pela Fed Cup. A ex-número 1 do mundo foi escalada para a rodada deste sábado na semifinal entre Austrália e Belarus, que será disputada no piso duro de Brisbane.

O confronto começa à meia-noite (de Brasília) na madrugada de sábado. Na abertura da programação, a veterana australiana de 35 anos e Samantha Stosur, ex-top 5 e atual 77ª do ranking, mede forças com a jovem bielorrussa de 20 anos e número 10 do mundo Aryna Sabalenka.

O segundo jogo do dia contará com a embalada australiana Ashleigh Barty, número 9 do mundo, enfrentando Azarenka, que atualmente aparece no 61º lugar. A bielorrussa de 29 anos levou a melhor no único duelo anterior contra Barty, disputado em Tóquio no ano passado. As duas jogadoras atuaram juntas recentemente nas duplas no Australian Open, Indian Wells e Miami.

Azarenka tem 16 vitórias e apenas quatro derrotas em simples pela Fed Cup. Ela ficou sem jogar a competição entre abril de 2016 e fevereiro deste ano. Seu afastamento está relacionado à gravidez e nascimento do filho Leo, à disputa judicial pela guarda do menino (atualmente com dois anos), e ao tempo que ela levou até voltar a atuar em alto nível. Há dois meses, a bielorrussa integrou a equipe que venceu a Alemanha em Braunschweig, mas apenas jogou duplas com o confronto já definido.

A programação de domingo começa à meia-noite com um encontro entre as top 10 Barty e Sabalenka. A bielorrussa lidera o retrospecto por 2 a 1. Na sequência, será a vez de Azarenka encarar a 'freguesa' Stosur, a quem derrotou em nove dos dez duelos anteriores. Barty e Stosur também podem ser escaladas para as duplas, contra Vera Lapko e Lidziya Marozava. Os dois times ainda têm bons nomes à disposição, incluindo Daria Gavrilova e Priscilla Hon pela Austrália e a número 35 do mundo Aliaksandra Sasnovich pelo time bielorrusso.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis