Notícias | Dia a dia
Gasquet não vê jovens competindo como o 'Big 3'
26/04/2019 às 14h35

Paris (França) - Afastado do circuito se recuperando de uma lesão na virilha, que o forçou a passar por uma cirurgia em janeiro, o francês Richard Gasquet questionou a capacidade dos novos talentos da ATP conseguir alcançar o patamar de lendas como o suíço Roger Federer, o espanhol Rafael Nadal e o sérvio Novak Djokovic.

“Alexander Zverev, Denis Shapovalov ou Nick Kyrgios são muito fortes e provavelmente deverão vencer um Slam em breve. Mas será que poderemos compará-los a caras como Nadal, Federer e Djokovic? Não tenho certeza disso”, comentou o atual 38 do mundo em entrevista ao Sports.fr.

“Há vários bons jogadores jovens agora, mas nenhum deles com cara de incrível campeão, como já vimos antes. Pete Sampras, Rafael Nadal, Mats Wilander e Boris Becker já haviam vencido um Grand Slam com 18 anos”, acrescentou o tenista de 32 anos, que não joga desde o Masters 1000 de Paris do ano passado.

Gasquet também falou sobre a conquista do italiano Fabio Fognini, um ano mais novo do que ele, no Masters 1000 de Monte Carlo. "Ele está jogando seu melhor tênis agora. Isso também é bom para mim. Posso ver que nunca é tarde demais. Estou feliz por ele ter vencido esse título”, observou o francês.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis