Notícias | Dia a dia
Espetacular, Thiem barra Nadal pela quarta vez
27/04/2019 às 13h36

Campeão em Miami, Thiem pode ser único com título em dois pisos diferentes na temporada

Foto: ATP

Barcelona (Espanha) - O austríaco Dominic Thiem exibiu um tênis de altíssima qualidade num sábado inspirado e conseguiu derrotar o espanhol Rafael Nadal pela quarta vez na carreira e no saibro, desta vez com parciais de 6/4 e 6/4. Com isso, ganhou o direito de buscar o título do ATP 500 de Barcelona diante do russo Daniil Medvedev, que mais cedo tirou Kei Nishikori em duros três sets.

Thiem se vinga assim da derrota sofrida para Nadal na decisão de Barcelona de dois anos atrás e consegue um feito incrível ao derrotar o 'rei do saibro' por quatro temporadas consecutivas sobre o saibro. Repete assim as vitórias de Buenos Aires (2016), Roma (2017) e Madri (2018). Agora, apenas ele e Novak Djokovic conseguiram bater Nadal ao menos quatro vezes no saibro (o sérvio o fez em sete duelos).

Assim como aconteceu na semana passada em Monte Carlo, Nadal perdeu a chance de um histórico e inédito 12º título, algo que nenhum profissional masculino conseguiu até hoje num mesmo torneio. Fato ainda mais marcante, ele jamais havia perdido uma semi em Barcelona. Nos 22 jogos que fizera entre semi e final no torneio, perdera apenas um set.

Thiem fez um grande primeiro set, assumindo muito risco e sendo feliz em diversos pontos de capital importância. Conseguiu quebra ainda no quinto game, em mais um momento em que Nadal jogou pouco com o primeiro saque e ainda cometeu dupla falta no break-point. Depois, o austríaco sustentou a vantagem com bolas de grande qualidade, disparando seus potentes golpes. Poderia ter vencido com maior facilidade, mas o espanhol evitou quatro oportunidades de quebra no sétimo game.

O segundo set começou com games muito longos e estafantes trocas de bola. Momento delicado, Nadal precisou salvar dois break-points logo de cara. Fazendo lances espetaculares e com alto grau de dificuldade com seu backhand, Thiem conseguiu nova quebra e abriu 3/2.

Outra vez pressionado, o espanhol lutou muito para evitar outra quebra no sétimo game que poderia ser fatal e aí viveu um momento muito tenso, quando sacou com 3/5, 30-30 e Thiem teve a passada na mão, mas o espanhol evitou com voleio de grande reflexo.

Por fim, Thiem teve controle emocional para liquidar a partida saindo de 0-40. Arrancou mais uma deixada milimétrica, fez ace e forçou o jogo para completar a tarefa. Vai assim em busca do 13º título da carreira e o segundo da temporada, depois da conquista do Masters de Indian Wells em cima de Roger Federer.


Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis