Notícias | Dia a dia
Kvitova fatura Stuttgart e gruda no primeiro lugar
28/04/2019 às 12h59

Kvitova teve jogos duros durante a semana

Foto: Arquivo

Stuttgart (Alemanha) - A canhota Petra Kvitova deu mais um passo rumo ao sonho de atingir finalmente o primeiro lugar do ranking feminino. Depois de um segundo set em que esteve atrás do placar, derrotou a estoniana Anett Kontaveit, por 6/3 e 7/6 (7-2) para levantar seu primeiro título no saibro de Stuttgart. Além do prêmio de US$ 153 mil, ganhou um Porsche conversível, como é tradicional no torneio.

Única tenista com dois títulos na temporada, Kvitova subirá para 6.015 pontos na segunda colocação do ranking mundial na lista desta segunda-feira e ficará apenas 136 atrás da japonesa Naomi Osaka. A luta pela liderança poderá então acontecer em Madri ou em Roma, onde as duas competem nas próximas semanas.

A campanha no saibro coberto alemão ratifica o bom momento de Kvitova, que fez sua quarta final da temporada, tendo vencido em Sydney e ficado com vices no Australian Open e em Dubai. A tcheca de 29 anos totaliza agora 27 títulos de WTA.


Kvitova vence final exigente
Superar o bom jogo de base de Kontaveit não foi fácil. Kvitova salvou dois break-points logo no game inicial e precisou de boas devoluções para obter a quebra no sexto game. Fechou o set com 79% de primeiros serviços em quadra, vencendo nada menos do que 82% desses pontos.

Kontaveit, que nem precisou entrar em quadra na semi já que Osaka desistiu por contusão, subiu de nível no segundo set. Mesmo cedendo serviço logo de início, buscou reação e virou para 3/1, mas não sustentou a vantagem. O décimo game foi essencial, já que Kvitova precisou salvar dois set-points antes de levar ao tiebreak, onde então sua agressividade fez a diferença.

Ainda aos 23 anos e no melhor momento da carreira, Kontaveit disputou sua quinta final em busca do segundo título e manterá o 15º posto do ranking.

O título de duplas foi alemão. Mona Barthel e Anna-Lena Friedsam viraram em cima da russa Anastasia Pavlyuchenkova e da tcheca Lucie Safarova, com parciais de 2/6, 6/3 e 10-6.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis