Notícias | Dia a dia
Teichmann vence 8ª seguida, leva o título e será top 100
04/05/2019 às 09h40

A jovem suíça é a primeira jogadora vinda do quali a vencer um WTA nesta temporada

Foto: Divulgação

Praga (República Tcheca) - A excelente semana da suíça Jil Teichmann no saibro de Praga foi concluída com a conquista de seu primeiro título de WTA. Vinda de um difícil qualificatório com três rodadas, a jovem jogadora de 21 anos precisou vencer oito jogos em oito dias para conquistar o troféu na capital tcheca. Neste sábado, Teichmann venceu a convidada local Karolina Muchova por 7/6 (7-5), 3/6 e 6/4 em 2h44 de partida.

Teichmann é a primeira jogadora vinda do quali a conquistar um título de WTA na temporada de 2019. A atual 146ª colocada no ranking mundial é também a atleta com pior ranking a vencer um torneio pela elite do circuito este ano.

Durante a campanha vitoriosa em Praga, a jovem suíça cedeu apenas dois sets, um para a veterana russa Svetlana Kuznetsova nas oitavas e outro na final deste sábado. Uma das rivais superadas pela embalada suíça no torneio foi a brasileira Beatriz Haddad Maia, que perdeu por duplo 6/2 na segunda rodada do quali.

A campanha em Praga rendeu 298 pontos a Teichmman, sendo 280 pelo título e mais 18 por ter furado o quali. Isso faz com que a promissora atleta suíça dê um salto no ranking e entre no top 100 da WTA. Muchova, que tem 22 anos e é a atual 106ª colocada, recebe 180 pontos e já se aproxima do top 70.

Tchecas não costumam perder em casa
Em cinco edições do WTA de Praga, Teichmann é apenas a segunda estrangeira a conquistar o título. Ela se junta à alemã Mona Barthel, campeã em 2017. Nos outros três anos, as jogadoras da casa dominaram o torneio, com títulos de Karolina Pliskova, Lucie Safarova e Petra Kvitova.

Surpresa no torneio de duplas
O título de duplas ficou com duas jovens jogadoras de 20 anos, a russa Anna Kalinskaya e a eslovaca Viktoria Kuzmova. Elas surpreenderam a norte-americana Nicole Melichar e a veterana tcheca de 43 anos Kveta Peschke, principais cabeças de chave do torneio, e venceram a final da última sexta-feira por 4/6, 7/5 e 10-7. Tanto Kuzmova quanto Kalinskaya jamais haviam vencido um torneio da WTA. Em fevereiro, elas foram finalistas em São Petersburgo.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis