Notícias | Dia a dia
Nadal tem boa chave rumo ao sexto título em Madri
04/05/2019 às 07h32

Nadal ainda não conquistou títulos neste início de temporada no circuito

Foto: Divulgação

Madri (Espanha) - Cinco vezes campeão do Masters 1000 de Madri, Rafael Nadal tenta aproveitar o fato de jogar no saibro e em seu país para encerrar um jejum de títulos que o acompanha desde agosto do ano passado. O espanhol vem de eliminações nas semifinais de Monte Carlo e Barcelona nas últimas semanas.

Djokovic e Federer podem duelar na semi em Madri

Nadal estreia contra o vencedor do duelo entre os jovens canadenses Denis Shapovalov e Felix-Auger Aliassime. Caso confirme o favoritismo, o número 2 do mundo pode enfrentar nas oitavas nomes como o georgiano Nikoloz Basilashvili ou o alemão Philipp Kohlschreiber.

No mesmo quadrante está o japonês Kei Nishikori, sexto cabeça de chave, que estreia contra o vencedor da partida entre o francês Gilles Simon e um rival vindo do qualificatório. Outros bons nomes do setor são o suíço Stan Wawrinka, o canhoto argentino Guido Pella e o cabeça 12 russo Daniil Medvedev. Um desses jogadores pode cruzar o caminho de Nadal nas quartas.

Atual campeão do torneio e número 3 do mundo, Alexander Zverev estreia contra o vencedor do confronto espanhol entre David Ferrer e Roberto Bautista Agut. O alemão de 22 anos tem vários nomes da nova geração na chave e pode enfrentar Borna Coric ou Alex De Minaur nas oitavas, enquanto Stefanos Tsitsipas, Karen Khachanov ou Jaume Munar são os cotados na fase seguinte.

 

Djokovic e Federer do outro lado da chave
Números 1 e 4 do mundo, Novak Djokovic e Roger Federer estão do mesmo lado da chave e podem se encontrar em uma possível semifinal. O sérvio tem pela frente Grigor Dimitrov na estreia, Diego Schwartzman ou Jo-Wilfried Tsonga nas oitavas, além de Juan Martin del Potro, Marin Cilic ou Nick Kyrgios nas quartas.

Já o suíço espera pelo jogo entre o francês Richard Gasquet e o jovem espanhol Alejandro Davidovich Fokina, com possível duelo diante de Gael Monfils na terceira rodada, antes de encarar Dominic Thiem ou Fabio Fognini.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis