Notícias | Dia a dia
Rogerinho derruba Clezar no retorno ao circuito
06/05/2019 às 10h03

Rogerinho não disputava um torneio há um mês

Foto: Fotojump

Aix-en-Provence (França) - Afastado do circuito por um mês, devido a problemas familiares, o paulista Rogério Silva voltou com tudo às competições. Nesta segunda-feira, ele mostrou firmeza no duelo nacional com o gaúcho Guilherme Clezar, válido pela primeira rodada do challenger de Aix-en-Provence, triunfando com parciais de 6/2 e 6/3, em 1h24 de disputa.

Na segunda rodada, o paulista de 35 anos terá pela frente o italiano Stefano Travaglia, cabeça de chave número 10 e atual 124 do mundo. Será a primeira vez que Rogerinho e o rival de 27 anos medirão forças no circuito.

Rogerinho teve um excelente início de partida, anotou duas quebras seguidas e só não abriu 4/0 de cara porque Clezar conseguiu devolver um dos breaks. Contudo, o gaúcho mal pôde aproveitar a redução da desvantagem, uma vez que amargou mais um break no quinto game. Bastou então ao paulista administrar a dianteira para fazer 1 set a 0.

A segunda parcial começou como a anterior, com Clezar perdendo o serviço já no primeiro game. Sacando firme, Rogerinho não cedeu um break-point sequer para o compatriota e ainda buscou mais uma quebra no nono e último game para assim selar sua quinta vitória em nove duelos com o gaúcho.

Rogerinho pode sair do top 200

O tempo longe das competições pode deixar o veterano paulista fora do top 200. Nesta segunda, ele amargou uma queda de 21 lugares e agora é o 196º do mundo. Rogerinho irá cair mais na próxima semana e precisa de pelo menos mais uma vitória no saibro francês para seguir entre os 200 melhores do mundo.

Em contrapartida, Clezar tem possibilidade de ascensão mesmo com a derrota na estreia. O gaúcho perdeu 10 lugares no ranking, mas pode recuperar até seis na próxima lista, mas para isso depende de resultados ruins dos rivais que estão logo atrás.

Monteiro e Menezes sobem na ATP

Se a semana começou com quedas de Rogerinho e Clezar no ranking, o mesmo não vale para o cearense Thiago Monteiro, que ganhou uma colocação e agora é o 110º do mundo. Outro que subiu foi o mineiro João Menezes, que melhorou seu posicionamento saindo da 370ª colocação para a atual 358ª.

Já o paulista Thomaz Bellucci, que sofreu uma torção no tornozelo no challenger de Francavilla e só deverá retornar no qualificatório de Roland Garros, amargou uma queda de nove lugares e se afastou um pouco mais do top 200. Ele agora é o 226 do mundo.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis