Notícias | Dia a dia
Nadal arrasa Wawrinka e se garante na semifinal
10/05/2019 às 18h15

Nadal venceu Wawrinka pela 18ª vez em 21 jogos entre eles e vai enfrentar Tsitsipas na semifinal

Foto: Divulgação

Madri (Espanha) - Com sua melhor atuação ao longo da semana, Rafael Nadal garantiu lugar na semifinal do Masters 1000 de Madri. Diante de um rival altamente qualificado como Stan Wawrinka, o espanhol marcou uma contundente vitória por 6/1 e 6/2 em 1h08 para avançar no torneio disputado na capital de seu país.

Nadal já passou nas fases iniciais por dois nomes da nova geração, o canadense Felix Auger-Aliassime e o norte-americano Frances Tiafoe. Seu adversário na semifinal das 16h (de Brasília) deste sábado será o grego Stefanos Tsitsipas, número 9 do mundo, a quem derrotou nos três encontros anteriores.

Com oitenta títulos de ATP na carreira, sendo 57 no saibro, Nadal ainda não conquistou títulos em 2019. Pentacampeão em Madri, o experiente jogador de 32 anos venceu o torneio espanhol pela última vez em 2017 e tenta alcançar sua 118ª final na carreira.

A vitória desta sexta-feira foi a 18ª de Nadal em 21 jogos contra Wawrinka no circuito. A última vez que o suíço levou a melhor aconteceu no Masters 1000 de Paris em 2015. Wawrinka só conseguiu vencer Nadal no saibro durante o Masters de Roma, há quatro anos.

Finalista em Madri no ano de 2013, Wawrinka não fazia uma boa campanha no torneio desde então. Ele caiu na estreia em três de suas últimas quatro participações, além de não ter atuado na edição passada do torneio. Ex-número 3 do mundo e atual 34º colocado, o veterano de 34 anos e vencedor de três Grand Slam ainda tenta recuperar seu melhor nível depois de passar por duas cirurgias no joelho esquerdo em 2017.

Nadal sequer enfrentou break points na partida desta sexta
Desde o início da partida, Nadal se concentrou em devolver com profundidade o tempo inteiro e isso induziu Wawrinka aos erros. A estratégia deu certo e rendeu uma quebra precoce e a liderança por 3/1. Dois games mais tarde, Wawrinka voltou a perder o saque, com uma dupla-falta e dois erros não-forçados. Nadal só perdeu cinco pontos sacando no primeiro set e sequer enfrentou break points. O espanhol terminou o set com três winners e dois erros contra seis bolas vencedoras e nove erros do suíço.

No segundo set, Nadal foi ainda mais firme no saque e só perdeu dois pontos. Wawrinka era constantemente ameaçado, mas conseguia escapar da quebra no começo da parcial. O suíço sequer tinha confiança para tentar ir à rede e mudar a dinâmica do jogo, quase todo disputado do fundo da quadra. Não demorou muito para que o espanhol conseguisse duas quebras seguidas, no quinto e no sétimo game, para chegar à tranquila vitória.

Cada jogador conseguiu onze winners, mas Wawrinka cometeu 24 erros contra apenas seis de Nadal. O espanhol conquistou quatro quebras e não enfrentou break points, cedendo apenas sete pontos em seus games de serviço na partida. Até com o segundo saque, o anfitrião teve ótimo desempenho e venceu dez pontos em onze possíveis, com 91% de aproveitamento. Nadal venceu os oito pontos que disputou na rede, enquanto Wawrinka só subiu duas vezes e fez um ponto.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis