Notícias | Dia a dia
Bertens ergue maior troféu e tira nª 1 de Halep
11/05/2019 às 15h48

Bertens teve notável campanha em Madri e chega a seu maior título sem ceder sets

Foto: Arquivo

Madri (Espanha) - Na segunda tentativa, a holandesa Kiki Bertens não falhou. Vice do ano passado no saibro veloz do Premier de Madri, desta vez ela juntou suas melhores qualidades, foi ofensiva e derrotou a romena Simona Halep, por duplo 6/4, para conquistar o maior troféu de carreira.

Ao mesmo tempo, tirou a chance de a romena voltar à liderança do ranking, posto perdido em janeiro após a japonesa Naomi Osaka conquistar o Australian Open. Enquanto Bertens subirá ao inédito quarto posto, Halep supera a tcheca Petra Kvitova e aparecerá em segundo na lista da segunda-feira.

A campanha da holandesa de 27 anos e 1,83m em Madri foi espetacular, sem nenhum set perdido, tendo superado adversárias de peso como Kvitova, a norte-americana Sloane Stephens e Halep.

A romena, que buscava o tri em Madri para juntar aos títulos de 2016 e 2017, entrou em quadra com pequena vantagem histórica de 3 a 2 sobre Bertens. Saiu com vantagem de 3/1, mas aí as duras trocaram quebras até o empate por 4/4. Bertens então foi agressiva na devolução e obteve a terceira quebra.

Bertens poderia ter simplificado a tarefa, ao abrir 2/0 no segundo set, mas cedeu o empate. Mais uma quebra em cima do frágil serviço da romena lhe deu então a vantagem definitiva. Momento crucial, evitou um break-point no longo oitavo game para logo depois concluir no terceiro match-point.

Vencedora agora de nove títulos de nível WTA, a holandesa tem dois troféus em pisos distintos na temporada, que se soma ao de piso duro e coberto de São Petersburgo.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis