Notícias | Dia a dia
Roma começa com festa italiana e derrota de Soares
12/05/2019 às 19h46

Garoto Sinner causa outra surpresa

Foto: Site oficial

Roma (Itália) - Dois jovens italianos começaram com vitória no Masters 1000 de Roma para alegria da sempre entusiasmada torcida local. O embalado Matteo Berrettini, que vem de título em Budapeste, e o garoto convidado Jannik Sinner avançaram diante de adversários de peso.

Aos 23 anos e número 33 do ranking, Berrettini precisou de convite porque ainda estava com ranking baixo à época da inscrição. Superou com folga o francês Lucas Pouille, por 6/2 e 6/4, e agora terá duelo difícil diante de Alexander Zverev, cabeça 4 e campeão do torneio há dois anos.

Com apenas 17 anos e com vitória também em Budapeste, onde saiu do qualificatório e ganhou uma rodada, Sinner virou em cima do experiente Steve Johnson, por 1/6, 6/1 e 7/5, e enfrentará outro jovem, o grego Stefanos Tsitsipas, que acaba de ir à final de Madri e subir ao sétimo posto do ranking.

A única derrota dos italianos coube a Andreas Seppi, que parou no espanhol Roberto Bautista, por 6/1, 3/6 e 6/1. Possível adversário de Rafael Nadal na terceira rodada, o georgiano e cabeça 14 tirou o húngaro Marton Fucsovics, 6/1 e 7/6 (7-2), e o alemão Philipp Kohlschreiber ganhou do francês Gilles Simon, 6/2, 3/6 e 6/3.

Soares e Murray param na estreia
Depois de ótimas campanhas no saibro europeu, com a semifinal em Monte Carlo e o vice em Barcelona, o dueto formado pelo mineiro Bruno Soares e o escocês Jamie Murray sofreu uma inesperada derrota ainda na estreia do Masters de Roma.

Cabeças 2, eles foram superados por dois jogadores que gostam mais de simples, o francês Jeremy Chardy e o belga David Goffin, por duplo 6/4. Na semana passada, Soares e Murray caíram nas quartas de Madri diante de Tsitsipas e do holandês Wesley Kookhof.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis