Notícias | Dia a dia
Shapovalov supera a estreia e vai desafiar Djokovic
13/05/2019 às 12h30

Roma (Itália) - Depois de amargar a eliminação logo na estreia em Madri, o canadense Denis Shapovalov conseguiu superar a primeira rodada do Masters 1000 de Roma. Nesta segunda-feira, ele teve pela frente o espanhol Pablo Carreño, triunfando em sets diretos com parciais de 6/3 e 7/6 (7-5), em 1h37 de disputa.

O prêmio por superar a fase inicial não será dos melhores para o canadense de 20 anos, que agora desafiará o sérvio Novak Djokovic, que entra avançado no torneio por ser o cabeça de chave número 1. Além disso, ‘Nole’ chegará embalado após a conquista na Caixa Mágica no último domingo, que o fez abrir mais de 4 mil pontos de frente para o espanhol Rafael Nadal no ranking.

Será a segunda vez que o líder do ranking enfrentará Shapovalov pelo circuito. O único duelo entre eles até então aconteceu no começo deste ano, pela terceira rodada do Australian Open, e foi vencido em quatro sets pelo sérvio, que fechou a partida com um ‘pneu’ para cima do canadense.

Coric e Verdasco vencem de virada

Algoz de Shapovalov na semana passada, o também canadense Felix Auger-Aliassime não passou da estreia desta vez. Ele até saiu na frente do croata Borna Coric, mas permitiu a virada do 13º pré-classificado e foi derrotado com parciais de 6/7 (4-7), 6/3 e 6/4. Coric espera agora pelo australiano John Millman ou pelo britânico Cameron Norrie.

Também saiu atrás o espanhol Fernando Verdasco, que foi superado pelo britânico Kyle Edmund no primeiro set, mas se recuperou e venceu com o placar final de 4/6, 6/4 e 6/2. Na segunda rodada, o canhoto madrilenho cruzará com o austríaco Dominic Thiem, quinto mais bem cotado, contra quem tem três vitórias em três duelos, um em cada piso (saibro, grama e sintético).

O russo Karen Khachanov foi mais um que precisou de três sets para avançar, superando o convidado da casa Lorezno Sonego com parciais de 6/3, 6/7 (1-7) e 6/3. O próximo oponente do cabeça de chave 11 será o espanhol Roberto Bautista, que no domingo derrubara outro atleta da casa, o experiente Andreas Seppi.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis