Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Aos 37 e recordista de convites, Mahut surpreende
26/05/2019 às 12h54

Mahut tem raras vitórias em Roland Garros

Foto: Site oficial

Paris (França) - Jogador que mais recebeu convites para jogar Grand Slam na Era Profissional, o veterano Nicolas Mahut fez a primeira grande alegria da torcida francesa em Roland Garros. Numa incrível reação, ele derrubou o italiano Marco Cecchinato, 16º cabeça e semifinalista do ano passado quando tirou até Novak Djokovic.

Cecchinato venceu os dois primeiros sets por 7/2 e 7/6 (8-6), mas daí em diante Mahut calibrou seu jogo ofensivo e conseguiu a virada, anotando 6/4, 6/2 e 6/4. Mahut jamais perdeu para o italiano nos três duelos realizados, embora os outros dois tenham sido há três temporadas.

Aos 37 anos e atual 253º do mundo, Mahut tem se dedicado muito mais às duplas. Apesar dos nove convites que recebeu em Roland Garros, esta foi apenas sua sétima vitória em 27 partidas, tendo perdido 12 vezes na estreia em suas 16 participações anteriores. No geral, Mahut tem 13 convites em Slam, recorde absoluto.

Esta foi apenas a segunda vitória do francês sobre um top 20 na carreira - a anterior aconteceu contra David Ferrer em Wimbledon de 2016, única vez em que atingiu as oitavas de um Slam. Seu adversário sairá do duelo deste domingo entre o alemão Philipp Kohlschreiber e o holandês Robin Haase.

Cecchinato, por sua vez, verá uma grande queda no ranking. Atual 19º classificado, perderá 710 pontos por não defender a semi do ano passado e corre risco de deixar até mesmo o top 40.

Para compensar as quedas de Cecchinatto e de Lorenzo Sonego, o tênis italiano viu Matteo Berrettini virar a partida diante do espanhol Pablo Andujar. Depois de perder o primeiro set por 6/7 (3-7), anotou 6/4, 6/4 e 6/2. Aos 23 anos e 32º do mundo, Berrettini disputa o torneio pela segunda vez, tendo vencido dois jogos em 2018 e caído em quatro sets diante de Dominic Thiem.

Seu adversário será outro jovem, o norueguês Casper Ruud, que teve pouco trabalho diante do letão Ernests Gulbis e venceu por 6/2, 7/6 (7-2) e 6/0.

Comentários