Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Serena aprova atuação e apoia jovens jogadoras
30/05/2019 às 19h47

Serena terminou o jogo com 10 aces e 36 winners nesta quinta-feira

Foto: Divulgação

Paris (França) - Depois de vencer seu segundo compromisso em Roland Garros, Serena Williams aprovou seu desempenho na vitória por 6/3 e 6/2 sobre a japonesa Kurumi Nara nesta quinta-feira. A tricampeã do torneio enalteceu também a atuação de sua adversária e acredita que começou a jogar melhor a partir da reta final do primeiro set.

"Acho que ela estava jogando taticamente muito bem o tempo topo. E eu tive que jogar um pouco melhor", disse Serena após a partida. Depois de um começo complicado até o empate por 3/3, a ex-número 1 assumiu o controle da partida e terminou o jogo com dez aces e 36 winners.

A próxima adversária de Serena é a jovem norte-americana Sofia Kenin, jogadora de 20 anos e 35ª do ranking. Apesar da diferença de idade e de o confronto ser inédito, a veterana de 37 anos sabe o que esperar. "Eu não pude jogar o confronto da Fed Cup onde nós estaríamos no mesmo time, mas eu conheço o jogo dela muito bem".

"Ela teve um ótimo resultado na Austrália, e eu tenho observado seus jogos", disse, referindo-se ao título de Kenin em Hobart. "Acho que vai ser um bom jogo. Ela tem muitos recursos e muita disposição. Ela é muito jovem e é uma boa jogadora. Estou bastante ansiosa para esse jogo".

Serena também comentou sobre sua proximidade com as jogadoras mais jovens. Especialmente depois que norte-americana de 17 anos Amanda Anisimova revelou que a ex-número 1 esteve ao seu lado e ajudou a lidar com uma dura derrota no Premier de Miami.

“Eu realmente amo todos as novas jogadoras. É tão emocionante! Eu sinto que o tênis fez muito por mim e é ótimo ver uma nova geração chegar", disse Serena, antes de citar o episódio com Anisimova. "Eu fiquei com o coração partido quando vi a Amanda entrar naquele vestiário. Eu quis estar lá com ela, porque eu já estive nessa situação".

Anisimova havia falado sobre o caso depois de ter vencido a bielorrussa Aryna Sabalenka na manhã desta quarta-feira. "Tive um jogo muito longo naquele dia e estava super chateada no vestiário depois de ter perdido. Serena veio até mim e conversou comigo. Isso foi muito legal da parte dela. Vou lembrar disso para sempre".

Comentários
Faberg
Roland Garros Series