Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Jovem de 20 anos derruba Serena na 3ª rodada
01/06/2019 às 15h31

Sofia Kenin marcou sua terceira vitória contra top 10 e tem melhor campanha em Slam

Foto: Divulgação

Paris (França) - A participação de Serena Williams em Roland Garros terminou ainda na terceira rodada do Grand Slam francês. Tricampeã da competição, Serena foi surpreendida pela jovem norte-americana de 20 anos e 35ª do ranking Sofia Kenin, com parciais de 6/2 e 7/5 em 1h32 de partida.

Serena não perdia tão cedo em um Grand Slam desde 2014, ano em que caiu na segunda rodada de Roland Garros e na terceira em Wimbledon. A vencedora 23 títulos de Grand Slam é maior campeã na Era Aberta do tênis e precisa conquistar mais um torneio deste porte para igualar o recorde em todos os tempos, atualmente nas mãos de Margaret Court.

Em uma temporada bastante prejudicada por uma lesão no joelho, Serena disputou apenas doze jogos. A veterana de 37 anos só atuou em uma partida no saibro antes de Roland Garros, pela primeira rodada do Premier de Roma. A ex-número 1 do mundo aparece atualmente na décima posição e ainda não conquistou títulos desde o nascimento da filha Alexis Olympia, em setembro de 2017. No segundo semestre, ela defende os vice-campeonatos de Wimbledon e do US Open.

Algoz de Serena neste sábado, Kenin marcou sua terceira vitória contra top 10 na carreira e a primeira na temporada. Ela já conquistou seu primeiro título de WTA em janeiro, em Hobart, e chega pela primeira vez às oitavas em um Grand Slam. Sua próxima adversária é a australiana Ashleigh Barty, número 8 do mundo, que venceu a alemã Andrea Petkovic por 6/3 e 6/1.

Serena cometeu o dobro de erros de sua adversária
Ainda que Serena tenha liderado a estatística de winners por 30 a 23, ela também cometeu 34 erros não-forçados, o dobro da contagem de sua adversária, que fez apenas 17 no total. Além disso, a ex-número 1 só aproveitou um dos sete break points que teve e permitiu quatro quebras de serviço à jovem rival.

Bastante inconsistente do fundo de quadra, Serena cometeu muitos erros no set inicial e tinha dificuldade para sustentar os ralis mais longos. Tanto que a ex-número 1 só conseguiu vencer um ponto com mais de cinco trocas de bola durante o set inicial.

Foram quinze erros não-forçados para tricampeã do evento contra apenas cinco de Kenin. Instável no saque, Serena enfrentou oito break points e sofreu duas quebras e não conseguiu aproveitar nenhuma das duas chances que teve no serviço de sua adversária.

Logo na abertura do segundo set, Serena sofreu mais uma quebra de serviço em um game com três erros não-forçados. Kenin chegou a vencer sete game seguidos até liderar o segundo set por 2/0. Serena fez um game extremamente consistente, vencendo uma sequência de pontos longos pela primeira vez na partida e já dava sinais de recuperação. O empate viria no sexto game.

A reação no placar deu confiança a Serena, que passou à frente com três aces no mesmo game. Foi importante demais para Kenin confirmar o serviço no game seguinte e igualar novamente a disputa. Àquela altura do jogo, o público francês não escondia a predileção pela tricampeã do torneio e chegou até a vaiar a jovem de 20 anos.

Com o placar empatado por 5/5, Serena começou mal o game de saque e cometeu dois erros. No primeiro break point que enfrentou, encaixou um excelente saque. Mas na sequência, Kenin encaixou um winner de devolução na paralela e voltou a liderar o placar. Sacando para o jogo, Kenin chegou a perder seu primeiro match point ao jogar um forehand no meio da rede, mas novos erros de Serena custaram a eliminação.

Comentários