Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Stephens supera Muguruza e volta às quartas em RG
02/06/2019 às 15h29

Stephens vai enfrentar Johanna Konta na próxima rodada em Paris

Foto: Divulgação

Paris (França) - Vice-campeã de Roland Garros no ano passado, Sloane Stephens faz mais uma boa campanha no Grand Slam francês e chega às quartas de final no saibro de Paris. Número 7 do mundo, a norte-americana marcou 6/4 e 6/3 contra a espanhola Garbiñe Muguruza, ex-líder do ranking e vencedora do Grand Slam francês em 2016.

Foi a segunda vitória de Stephens em três jogos contra Muguruza no circuito. A norte-americana de 26 anos já defende 430 dos 1.300 pontos que tem a descontar em Paris. Já Muguruza, atualmente no 19º lugar do ranking, defendia 780 pontos da semifinal do ano passado, mas só fez 130 por parar nas oitavas.

Em busca da quarta semifinal de Grand Slam na carreira e a segunda seguida em Paris, Stephens enfrentará a britânica Johanna Konta. O histórico do confronto é favorável à britânica, ex-número 4 do mundo e atual 26ª colocada aos 28 anos. Konta venceu os dois duelos anteriores, disputados neste ano em Roma e Brisbane.

Campeã do US Open em 2017, Stephens é a única finalista de Grand Slam na parte de cima da chave em Paris. O outro confronto das quartas envolve a croata Petra Martic e a canhota tcheca de 19 anos Marketa Vondrousova. Do outro lado da chave, ainda nas oitavas, a atual campeã em Paris Simona Halep e Madison Keys (finalista em Nova York há dois anos) seguem na disputa.

Muguruza perdeu muitas chances no início
Dominante nos primeiros games da partida, Muguruza perdeu muitas oportunidades de abrir uma boa vantagem logo no começo. Depois de quebrar logo no game de abertura e já liderar por 2/0, a espanhola vinha dominando os pontos mais longos e teve quatro chances para conseguir mais uma quebra, mas não as aproveitou. Stephens até confirmou o saque antes de ver a rival abrir 3/1 sem correr riscos em seu serviço.

O sexto game da partida acabou mudando a dinâmica do jogo. Jogando de forma apressada, Muguruza acabou cometendo erros que permitiram o empate a Stephens. A norte-americana voltaria a quebrar dois games mais tarde, contando com duas duplas-faltas da espanhola para liderar por 5/3. Quando Stephens sacava para fechar, Muguruza jogou bem, sustentou as trocas de bola e fez ótimos winners, mas a ex-número 1 do mundo perderia o saque de zero no momento em que poderia igualar novamente o set.

Com domínio das sacadoras e pontos mais curtos, o segundo set teve apenas uma quebra, conqusitada por Stephens já no oitavo game. Muguruza já havia sido ameaçada no início da parcial e escapado ilesa, mas perderia o serviço já na reta final da partida, depois de cometer três erros não-forçados no mesmo game.

Sacando para o jogo, Stephens enfrentou alguns ralis longos, um deles com 20 trocas de bola, salvou o único break point que enfrentou em todo o set e precisou de cinco match points para confirmar a vitória. A norte-americana liderou nos winners por 20 a 19 e terminou o jogo com 25 erros não-forçados, três a menos que sua adversária.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series