Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Franceses e alemães decidem nas duplas em Paris
06/06/2019 às 19h08

Krawietz e Andreas Mies superaram dupla argentina na semifinal

Foto: Divulgação

Paris (França) - A final de duplas masculinas em Roland Garros terá uma parceria francesa e outra alemã. As expectativas de uma decisão sul-americana caíram por terra após a rodada desta quinta-feira em Paris.

Os franceses Jeremy Chardy e Fabrice Martin surpreenderam os colombianos Robert Farah e Juan Sebastian Cabal, cabeças de chave número 3 do torneio, e marcaram as parciais de 7/5 e 6/4. Na outra semifinal, os alemães Kevin Krawietz e Andreas Mies derrotaram os argentinos Guido Pella e Diego Schwartzman por 7/5 e 6/3.

Um dado curioso é que três dos quatro finalistas de duplas em Roland Garros estavam envolvidos em uma final de challenger há três semanas. Em Heilbronn, Krawietz e Mies venceram a decisão contra Martin e o alemão Andre Begemann.

Nenhum dos quatro duplistas envolvidos na final já ganhou um Grand Slam anteriormente. Chardy está com 32 anos e já conquistou sete títulos profissionais de duplas na carreira. Seu parceiro Martin tem a mesma idade e venceu cinco torneios. Juntos, os frenceses têm três títulos, dois deles na atual temporada, em Estoril e Marselha. Krawietz tem 27 anos, enquanto Mies tem 28. O único título deles foi o ATP de Nova York em fevereiro.

Nunca na Era Aberta do tênis uma parceria alemã conquistou o título de duplas em Roland Garros. Houve um longo jejum de títulos de franceses entre a conquista de Henri Leconte e Yannick Noah em 1984 até que Julien Benneteau e Edouard Roger-Vasselin triunfassem em 2014. No ano passado, outra parceria da casa foi campeã. O troféu ficou com Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut.

Comentários