Notícias | Dia a dia
Wawrinka volta ao top 20, Fognini estreia no top 10
10/06/2019 às 08h58

Miami (EUA) - Eliminado nas quartas de final em Roland Garros pelo compatriota Roger Federer, o suíço Stan Wawrinka viu sua campanha no Grand Slam francês lhe render o retorno ao top 20, algo que não acontecia desde o começo de março do ano passado. Ele ganhou nove colocações na nova lista da ATP e se garantiu na 19ª posição.

Um pouco mais acima, dois jogadores estrearam no top 10. Um deles é o veterano italiano Fabio Fognini, que bateu na trave semanas atrás, quando parou na 11ª colocação. Ele melhorou dois lugares no ranking e agora é o 10º do mundo. Outro que debutou nesta faixa foi o russo Karen Khachanov, que também ganhou dois postos e subiu para a nona posição.

Fognini e Khachanov são não apenas novidades entre os dez primeiros do mundo, mas também as únicas mudanças nesta faixa. O sérvio Novak Djokovic segue firme na liderança e ainda ampliou a vantagem para Nadal, seu perseguidor mais próximo. Completam o top 5: Federer (3º), o austríaco Dominic Thiem (4º) e o o alemão Alexander Zverev (5º).

O grego Stefanos Tsitsipas se manteve na sexta colocação, o japonês Kei Nishikori também continuou na mesma posição e é o sétimo e o sul-africano Kevin Anderson, mesmo sem disputar Roland Garros, conseguiu segurar o oitavo posto.

Sensação do ano passado no saibro parisiense, o italiano Marco Cecchinato ficou longe de repetir a semifinal de 2018 e acabou despencando 20 colocações nesta semana, caindo para o 39º lugar. Pior que ele apenas o espanhol Jaume Munar, que perdeu uma posição a mais e afundou para a 74ª posição, na maior queda de todo o top 100.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis