Notícias | Dia a dia
'Nadal deveria servir de inspiração', afirma McEnroe
17/06/2019 às 14h07

Londres (Inglaterra) - O norte-americano John McEnroe não poupou elogios ao espanhol Rafael Nadal, que semanas atrás levantou sua 12ª taça de Roland Garros e chegou ao 18º título de Grand Slam na carreira. Para o ex-número 1 do mundo, o canhoto de Mallorca deveria servir de inspiração aos jovens jogadores.

“Rafa é um tenista extraordinário, que tem técnica e um físico incrível. Não sei de onde tira tanta energia. Ganhar um mesmo Slam 12 vezes é uma verdadeira loucura. O que mais admiro nele é sua mentalidade, ele joga na mesma intensidade do começo ao fim e deve servir de inspiração aos mais jovens”, disse McEnroe em entrevista aos italianos da AGI.

Sobre as novas gerações nos Estados Unidos, ele destacou apenas o feminino, que segue produzindo grandes nomes inspiradas nas conquistas das irmãs Serena e Venus Williams, enquanto o masculino vem derrapando nos últimos anos. “Estamos quase 15 anos se vencer um Grand Slam e parece que atualmente os jovens vão só para o basquete ou o futebol americano”.

McEnroe também revelou que poderia trabalhar como treinador de algum representante da NextGen no futuro. “Quem sabe algum dia desses vocês não me veem como treinador de algum jogador dessa nova geração. Gosto muito de Kyrgios, com quem estive próximo durante a Laver Cup, ele tem um talento enorme e pode vencer qualquer um”, observou.

“Seu único defeito é não ter continuidade e isso é importante no tênis”, acrescentou McEnroe, que colocou outros nomes interessantes em sua lista de possíveis nomes com quem poderia trabalhar no futuro. “Também gosto do estilo de jogo de Denis Shapovalov e Stefanos Tsitsipas e da maturidade de Felix Auger-Aliassime", finalizou o norte-americano.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis